Onda de calor cozinha mariscos, mexilhões e outros moluscos vivos em praia do Canadá

         Contribuição de nosso seguidor Jefferson Canielo

Cientistas estimam que um bilhão de espécimes tenham sido destruídos pelas temperaturas extremas que atingem a região oeste do país nesta temporada atípica de verão no hemisfério norte.

Onde de calor cozinha mariscos e outros moluscos em praia no Canadá

Pesquisadores da Universidade de British Columbia, no Canadá, estimam que cerca de 1 bilhão de animais marinhos – entre mexilhões, mariscos e outros moluscos – tenham morrido por conta da onda de calor extremo que atinge a região oeste do país.

Na fim de junho, o Canadá registrou temperaturas recorde acima dos 40 graus em sua área urbana. Em rochas e na areia da praia, onde ficam depositados os mariscos, os cientistas chegaram a registrar picos de até 50 graus.

Por que calor recorde no hemisfério norte indica que algo pior está por vir.

Onda de calor: autoridades alertam para aumento de mortes ligadas às altas temperaturas no Canadá…

Matéria extraída do G1