Galaxy S5 será à prova d’água, segundo especificações divulgadas em site

Acesse:http://www.techtudo.com.br/noticias/noticia/2014/02/galaxy-s5-sera-prova-dagua-de-acordo-com-especificacoes-divulgadas-em-site.html

Rumores indicam que o Samsung Galaxy S5 poderá ser à prova d´água. A informação teve origem no site SamMobile, o mesmo veículo que anunciou que o aparelho teria leitor de impressão digital. A página alega ter recebido diversas informações confiáveis sobre o dispositivo e liberou, nesta sexta-feira (21), dados sobre a câmera do celular, modos de disparo e efeitos.

Conheça todos os rumores sobre o Galaxy S5: preço, lançamento, especificações e mais

A Samsung liberou um teaser que reforça os rumores de que o Galaxy S5 será à prova dágua (Reprodução/YouTube)A Samsung liberou um teaser que reforça os rumores de que o Galaxy S5 será à prova d’água (Reprodução/YouTube)

O modo “Aqua” é umas das configurações da câmera do S5 que foram divulgadas e é descrito como um modo seguro para tirar fotos debaixo d’água. Para reforçar os rumores, a Samsung lançou um teaser, também nesta sexta-feira, com diversas palavras e atributos que podem ser referentes ao principal lançamento do Samsung Unpacked 2014, que acontece no dia 24 de fevereiro. Dentre as palavras do vídeo, há “wet” (molhado, em português), dando a entender que o aparelho vai poder ser molhado.

Ainda segundo o site SamMobile, além de à prova d´água, o próximo carro-chefe da empresa sul-coreana 

Continue lendo…clique aqui…

Curiosidades na internet

Samsung afirma que começará a vender smartphones com Tizen em 2013

Acesse:http://canaltech.com.br/noticia/samsung/Samsung-afirma-que-comecara-a-vender-smartphones-com-Tizen-em-2013/

Samsung Tizen

A Samsung anunciou nesta quinta-feira (3) que começará a vender os primeiros modelos de smartphones equipados com o sistema operacional Tizen em 2013. A empresa não revelou detalhes sobre o hardware, especificações do software e nem o possível valor de mercado dos novos aparelhos.

Executivos da Intel, Samsung, NTT DoCoMo e Vodafone formaram a Tizen Association para apoiar o novo sistema open-source no último ano. Acredita-se que os planos da empresa sul-coreana de lançar dispositivos com a nova plataforma fazem parte dos seus esforços para se tornar independente do Google e do Android, principalmente após a compra da Motorola Mobility pelo Google em maio de 2012 por US$ 12,5 bilhões (R$ 25,6 bilhões).

“O Tizen surgiu no momento em que a Samsung planejava reduzir sua dependência do Google, já que está muito preocupada de que sua liderança no mercado de smartphones possa estar comprometida com o acordo Google-Motorola”, afirmou ao Business Week Byun Han Joon, analista da KB Investment & Securities. “E a Intel sempre quis aumentar sua presença no mercado de processadores móveis”.

No terceiro trimestre fiscal de 2012, a Samsung distribuiu 56,9 milhões de unidades de smartphones ao redor do mundo, o que lhe garantiu 35% do mercado de smartphones contra os 17% registrados pela Apple, sua principal concorrente. E ainda no último ano, a empresa sul-coreana registrou lucro recorde em três meses seguidos graças às vendas dos dispositivos Galaxy e do seu carro-chefe, o Galaxy S III.

Curiosidades na internet

Kindle chega a lojas físicas na quinta; venda on-line ainda não tem data

Acesse:http://www1.folha.uol.com.br/tec/1203306-kindle-chega-a-lojas-fisicas-na-quinta-venda-on-line-ainda-nao-tem-data.shtml

Anunciado na primeira semana de dezembro junto com a chegada da Amazon ao Brasil, o Kindle começará a ser vendido no mercado nacional na próxima quinta-feira (20). A chegada do aparelho, no entanto, ocorre apenas nas lojas físicas da Livraria da Vila.

O aparelho, que custará R$ 299, é a versão mais simples da linha de e-readers da Amazon. Ele tem tela de seis polegadas que não emite luz, 16 níveis de cinza e navegação por botões (não tem touch).

Segundo a Amazon, o início das vendas on-line, carro-chefe nos EUA, deverá começar “nas próximas semanas”.

CONCORRÊNCIA

A entrada da Livraria da Vila como parceira da Amazon na venda de Kindles ocorre em oposição à Livraria Cultura, que vende o e-reader canadense Kobo Touch no Brasil.

Com o mesmo tamanho de tela, mas mais versátil –já que lê arquivos EPUB, popular formato de e-books–, o Kobo Touch custa R$ 100 a mais que o concorrente. Veja comparações abaixo.

Editoria de Arte/Folhapress

Curiosidades na internet

%d bloggers like this: