Cientistas criam bactéria que come o CO2 do ar

Acesse:http://super.abril.com.br/ciencia/cientistas-criam-bacteria-come-co2-ar-748325.shtml?utm_source=redesabril_jovem&utm_medium=facebook&utm_campaign=redesabril_super

Micro-organismo criado em laboratório pode frear o aquecimento global – ou mergulhar a humanidade numa era glacial

Fulvio314 / Creative Commons 3.0

Ironicamente, a solução para o aquecimento global pode estar numa criatura que adora calor: a bactériaPyrococcus furiosus, que vive dentro de vulcões submarinos onde a temperatura chega a 100 graus. Numa experiência feita pela Universidade da Geórgia, nos EUA, esse micróbio recebeu cinco genes de outra bactéria subaquática, a Metallosphaera sedula. E dessa mistura saiu uma criatura capaz de algo muito útil: alimentar-se de CO2.

Exatamente como as plantas (que absorvem luz e CO2), mas com uma vantagem: a bactéria é mais eficiente, ou seja, se multiplica mais rápido e absorve mais CO2 do ar. “Agora podemos retirar o gás diretamente da atmosfera, sem ter de esperar as plantas crescerem”, diz o bioquímico Michael Adams, autor do estudo. Seria possível criar usinas de absorção de CO2, que cultivariam o micróbio em grande escala, para frear o aquecimento global. Depois de comer o gás, ele excreta ácido 3-hidroxipropiônico – que serve para fazer acrílico e é um dos compostos mais usados na indústria química.

Se a bactéria transgênica escapar e se reproduzir de forma descontrolada, poderia consumir CO2 em excesso e esfriar demais a atmosfera. Existe um mecanismo de segurança natural contra isso: ela só consegue comer o gás se a temperatura for de 70 graus (que seria mantida artificialmente nas usinas). Mas sempre existe a possibilidade de que a bactéria sofra uma mutação, supere esse bloqueio – e mergulhe a Terra numa nova era glacial. Talvez seja melhor deixar as plantas cuidando do CO2.

Curiosidades na internet

Elon Musk cria o laboratório do Homem de Ferro na vida real

Acesse:http://canaltech.com.br/noticia/geek/O-laboratorio-do-Homem-de-Ferro-acaba-de-ficar-mais-real/

Elon Musk mostra seu laboratório futurista

Sabe aquela sensação de quando você assistiu Homem de Ferro pela primeira vez, viu aqueles hologramas em 3D sendo manipulados por Tony Stark e pensou “uau, será que essa tecnologia já existe”? Bom, parte dela pelo menos agora existe.

Elon Musk, investidor e co-fundador do PayPal e Space X, chairman da Tesla Motors e SolarCity (sim, o curriculum é grande!), demonstrou uma versão 1.0 do seu laboratório com tecnologia ao melhor estilo “Homem de Ferro”.

Em um vídeo no YouTube da SpaceX, Musk mostra como ele criou um ambiente com um controle Leap Motion para manipular designs em 3D com gestos. O magnata demonstra como configurar uma peça de um foguete apenas com as mãos. Abrindo as palmas, a figura se amplia, enquanto fechando ela diminui. Ele “joga” a imagem de lá pra cá e de cá pra lá apenas com os gestos e rotaciona em 360° com o movimento das mãos.

“É uma maneira mais natural de interagir com o desenho”, afirma. Mais natural e mais futurista, com certeza. Ele conta que tudo foi feito com um Leap Motion, o software Siemens NX e algumas linhas de código para integrar os dois.

Musk também adaptou a ideia para usá-la com o software CAD, projeções em 3D usando óculos especiais e finalmente a realidade aumentada usando um Oculus Rift. Para ele, o Oculus é a melhor opção, pois é capaz de rastrear a posição da sua cabeça, como se você estivesse realmente se movendo em torno do objeto.

Não bastasse toda essa cena de filmes de ficção, Musk ainda criar um projeto de impressão 3D com a peça e a imprimi com uma impressora de metal, camada por camada.

Curiosidades na internet

Cientistas conseguem criar mini-cérebro humano em laboratório

Acesse:http://olhardigital.uol.com.br/noticia/37181/37181

(Foto: Reprodução)
Cientistas do Instituto de Biotecnologia Molecular de Viena realizaram um feito interessante. Em uma placa de Petri, eles conseguiram criar um cérebro em miniatura em laboratório utilizando células-tronco.
Segundo o artigo da revista científica Nature, os biólogos foram capazes de recriar pequenos pedaços 3D de tecido que se assemelham ao cérebro de um feto de 9 semanas de idade. Seu tamanho fica entre 3 e 4 milímetros.Embora não esteja completamente desenvolvido, o modelo do cérebro já apresenta regiões claras do órgão verdadeiro, como o cortex dorsal e uma retina ainda não amadurecida.

Segundo Juergen Knoblich, coordenador do estudo, as partes do cérebro estão corretamente organizadas, mas não estão conectadas. Ele compara o experimento a “um carro com motor e rodas, mas o motor está no teto. O carro nunca andaria, mas você ainda poderia ver como funciona este motor”, explica ele.

O estudo, segundo os cientistas, é usar estes cérebros criados em laboratório para estudar doenças como a esquizofrenia e o autismo. Cérebros de animais não levaram a estudos conclusivos por serem muito pouco similares aos dos humanos.

Como nota o CNET, cientistas já criaram outras partes do corpo a partir de células-tronco, como um rim e tecido cardíaco, mas nunca algo tão complexo como o cérebro humano. Segundo a Popular Science, a criação é a mais complexa criação in vitro da história.

Curiosidades na internet

Mulher inventa “câmera” que capta cheiros

Acesse:http://www.techmestre.com/mulher-inventa-camera-que-capta-cheiros.html

Ideia é criar uma nova forma de salvar lembranças que não use modo visual.

Uma mulher britânica criou uma espécie de câmera capaz de reter odores. A invenção foi batizada de “Madeleine”, em homenagem ao tipo de bolo francês que pelo odor desperta recordações no personagem principal do livro “Em Busca do Tempo Perdido”, de Marcel Proust.

O dispositivo foi feito como trabalho de conclusão de mestrado de Amy Radcliffe, na universidade Central Saint Martins, em Londres. Segundo ela, a ideia era criar uma nova forma de salvar lembranças de modo não visual.

A Madeleine conta com uma cúpula de vidro conectada a um recipiente de cerâmica por meio de dutos. O sensor de odor fica localizado no corpo da câmera, tendo uma resina especial capaz de reter o aroma.

Mulher inventa câmera que capta cheiros

Este é transportado a um laboratório de análise, o qual realiza a reconstituição sintética do mesmo modo que uma foto ampliada. Dessa forma, o cheiro pode ser armazenado em um pequeno frasco.

A ideia é que o frasco seja usado uma única vez, já que os aromas têm menor resistência que outros tipos de memórias

Curiosidades na internet

Anvisa proíbe venda de chá e emagrecedores

Acesse:http://administradores.com.br/noticias/cotidiano/anvisa-proibe-venda-de-cha-e-emagrecedores/77802/

As medidas valem em todo o território nacional

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) proibiu a distribuição e venda do chá misto solúvel Funchinane, por conter substâncias não permitidas para chás. A decisão foi divulgada hoje (12) no Diário Oficial da União.

Produzido pela empresa Naturelife, o chá contém maltodextrina (carboidrato que aumenta energia muscular), sucralose (adoçante) e dióxido de silício – todas substâncias proibidas para chás.

A comercialização dos emagrecedores Bio Waist Spirulina em cápsula e Bio Waist – Quitosana e Spirulina em cápsulas da empresa La Mata Laboratório Botânico também está proibida em todo o país. Os produtos não têm registro, segundo a agência reguladora.

As medidas valem em todo o território nacional.

A Agência Brasil tentou entrar em contato com as empresas por telefone. O número informado no site da empresa Naturelife não existe e a empresa La Mata não atendeu às ligações.

Curiosidades na internet