Livro ensina a viver em São Paulo sem carro

Acesse:http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/sp/2012-07-01/livro-ensina-a-viver-em-sao-paulo-sem-carro.html

Enviado por J A C A N I E L L O

“Como viver em São Paulo sem carro” traz histórias de 12 personagens da cena paulistana que agora andam pela cidade a pé, de bicicleta ou transporte público

Claudio Edinger

Ex-jogador Raí abandonou a direção em 2008

 “Eu sou mais feliz desde que parei de guiar. Sou mais leve, não tenho de me preocupar onde parar o carro, não penso em multas, na hora do congestionamento, falo no celular, ouço música.” Raí, ex-jogador de futebol, abandonou “a direção” em 2008 e só anda por São Paulo a pé, de bicicleta ou de táxi (dependendo do trajeto). Suas experiências e de outros 11 personagens – como Maria Adelaide Amaral, Tadeu Jungle e Rita Lobo – da cena paulistana são relatadas no livro “Como viver em São Paulo sem carro”, idealizado pelo empresário Alexandre Lafer Frankel e escrito pelo jornalista Leão Serva. As fotografias são de Claudio Edinger e as ilustrações, de Eva Uviedo.

O lançamento será no dia 5 de julho, às 20h, no restaurante Spot. Com 81 páginas, o livro apresenta trajetos favoritos e dicas de lazer, cultura, gastronomia e de caminhos para quem se aventurar no mundo “livre de veículos”. “Tem riscos ao andar de bicicleta. Tomo muitos cuidados, o tempo todo. É preciso planejar os caminhos”, sugere o ex-jogador.

Tadeu Jungle, cineasta e videoartista, gosta de fazer tudo a pé. Ele mora nos Jardins. “Morar em um bairro mais central implica ter menos espaço em casa. Assim, tenho uma cozinha menor, mas
não me importo: saio frequentemente para jantar fora, tenho ótimos restaurantes perto de casa.” Ele revela que não conseguiu abandonar totalmente o carro, mas reduziu “a necessidade”.

Divulgação

Roteiro a pé sugerido por Tadeu Jungle no bairro Jardins, onde mora

Criadora do site Panelinha e apresentadora do Cozinha Prática (GNT), Rita Lobo procurou conciliar casa, trabalho e escola dos filhos tudo no mesmo bairro. “Quando vou de uma região da
cidade para outra, ainda uso carro ou táxi. Mas procurei organizar as coisas para que toda minha estrutura básica de vida fique dentro do bairro que escolhi para morar, os Jardins.” A dica é que o pedestre tem de ter equipamentos apropriados, como uma sandália confortável.

Liberte-se do vício

Claudio Edinger

Alexandre Frankel decidiu não renovar sua carteira de habilitação

Alexandre Frankel diz que a ideia de lançar “Como viver em São Paulo sem carro” foi para “mostrar às pessoas uma outra possibilidade”. “Andar a pé e de transporte público é cool. O chique é poder chegar rápido e não ficar horas no trânsito. Carro é um atraso de vida. Não é pecado usá-lo, mas não se pode ser dependente dele. A pessoa prejudica sua vida sem perceber que pode sair fora desse vício”, diz.

A empresa de Frankel, a Vitacon, é uma incorporadora que desenvolve projetos fundamentados em novas opções de mobilidade urbana (como o aluguel de carros e bicicletas para os moradores), em terrenos próximos a estações do metrô, procurando aproximar as pessoas de seus locais de trabalho.

O empresário acredita que este é o caminho para uma cidade com menos trânsito, menos estresse e mais horas livres para outras atividades. “O que dita regra nos nossos projetos é a mobilidade. Onde há muitos prédios comerciais colocamos residenciais e vice-versa. A lei de zoneamento de São Paulo e de grandes cidades brasileiras é um horror. As pessoas gastam de 4 a 5 horas por dia para sair da periferia e ir para o centro trabalhar.”

O empresário abandonou o carro há alguns anos e decidiu não renovar a carteira de habilitação. Levou a sede de sua empresa para o bairro onde mora e faz tudo o que pode a pé. Os filhos e a mulher também. Ele defende o modelo da cidade compacta, concebida exatamente como o lugar da diversidade social e econômica, de bairros que misturam classes sociais e atividades, de forma que todos possam ficar a curtas distâncias do trabalho. “É possível fazer esta mudança. Viver perto com qualidade.”

O livro traz ainda dados inéditos levantados em uma pesquisa de opinião pública realizada pelo instituto Ipespe (Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas) sobre como os moradores se relacionam com a questão da mobilidade urbana. Segundo a pesquisa, 65% dos paulistanos estariam propensos a mudar suas residências para locais perto do trabalho, desde que mantido o mesmo padrão de vida, para fugir do trânsito. O estudo também mostra que para a mesma porcentagem da população (65%), o trânsito é considerado o pior problema da cidade, à frente da poluição. “Queremos que o livro gere movimento, que as pessoas se movimentem e mudem”, diz Frankel.

Curiosidades na internet

Alemães desenvolvem táxi autônomo que funciona sem motorista

Acesse:http://www.techninja.com.br/software/alemaes-desenvolvem-taxi-autnomo-funciona-sem-motorista/

Enviado por Fabio Maia Vital

taxi Alemães desenvolvem táxi autônomo que funciona sem motorista

Se você reclama que motoristas de táxi são grosseiros ou que dirigem mal, um laboratório naAlemanha pensou em você. Eles desenvolveram o primeiro táxi autônomo que funciona sem motorista!

O pessoal do Autonomos Lab se foca em criar carros ou aparelhos que permitam queautomóveis sejam guiados sem a necessidade de um motorista. A última invenção deles é otáxi autônomo. Por meio de um aplicativo de iPad, a pessoa envia sua localização para oveículo, que se desloca até o local sozinho. Uma vez dentro do carro, a pessoa pode entãoenviar as coordenadas de seu destino. Confira abaixo um vídeo do táxi autônomo em funcionamento.

 

Curiosidades na internet

Precisando de um táxi? Confira aplicativos que podem te ajudar a encontrar um!

Acesse:http://canaltech.com.br/dica/apps/Precisando-de-um-taxi-Confira-aplicativos-que-podem-te-ajudar-a-encontrar-um/

Taxi Roubado

Mesmo em cidades grandes, onde a oferta de táxis costuma ser alta, encontrar um carro livre na rua pode ser uma tarefa difícil. E a coisa costuma ficar ainda pior durante as noites de sexta-feira ou nos finais de semana, quando todos preferem deixar seus carros em casa para aproveitar a noite bem longe do volante. Algumas pessoas também não se sentem seguras o suficiente para pedirem táxis na rua durante a madrugada, o que pode tornar a espera por um contato de uma coperativa ainda maior.

Mas a situação vem mudando com a chegada de diversos aplicativos de táxi, que prometem fazer uma ponte entre usuário e taxista em poucos toques no smartphone. Selecionamos alguns dos mais conhecidos para diversas cidades brasileiras, gratuitos e que funcionam nos dois maiores sistemas operacionais do mercado mobile: o iOS e o Android.

Aproveite as dicas já neste fim de semana!

Apps de Táxi

99Taxis

Um dos mais conhecidos aplicativos do tipo, o 99Taxis funciona apenas na cidade de São Paulo, mas promete colocar o passageiro em um táxi em apenas dois toques no celular. Após instalar o app, você precisará fazer um cadastro, que pode ser completado também através do Facebook. Em seguida, o serviço fará uma verificação para checar se o telefone é válido.

Com um celular validado, é só digitar sua localização atual na tela principal do app e esperar um taxista próximo atender o chamado. Quando algum motorista confirmar a corrida, você receberá uma mensagem com o nome, modelo do carro, celular e uma foto do taxista. Também é possível acompanhar em tempo real a posição do motorista através do app, que utiliza o GPS do aparelho dentro do carro para determinar a sua localização.

Disponível em: São Paulo

Download: iOS e Android

Apps de TáxiTaxibeat

Lançado originalmente em Atenas, na Grécia, onde foi criado em 2011, o Taxibeat desembarcou no Brasil pelo Rio de Janeiro e agora também já está disponível em São Paulo. Mais capitais devem receber o serviço ainda neste ano.

O serviço também exige um cadastro rápido com telefone, e-mail e senha. Após alguns segundos, o Taxibeat te enviará uma mensagem de texto com seu código de ativação. Então é só clicar no botão de busca para que o aplicativo defina sua localização e permita encontrar o táxi mais próximo, em um raio de 3 km de onde você estiver.

Assim como no 99Taxis, o app mostra detalhes sobre o motorista, como foto, carro, distância e permite acompanhar o deslocamento do veículo em seu mapa. Ao fim da corrida, também é possível avaliar o taxista.

Disponível em: Rio de Janeiro e São Paulo

Download: iOS e Android

Apps de Táxi

Easy Taxi

O serviço permite chamar um taxi com apenas um toque no seu smartphone. O app funciona de maneira bem semelhante aos anteriores, com a vantagem que não exige nenhum tipo de cadastro por parte do usuário. Após clicar em “pedir seu táxi”, você poderá consultar informações sobre o motorista que aceitar a corrida, como nome, modelo do carro, foto e telefone. Também é possível acompanhar o trajeto do táxi em tempo real até chegar em você.

O serviço já está disponível em seis cidades do país, e deve chegar a outras seis (Manaus, Recife, Cuiabá, Fortaleza, Natal e Curitiba) em breve.

Disponível em: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Porto Alegre, Brasília e Salvador.

Download: iOS Android

Apps de TáxiResolve Aí

O Resolve Aí também funciona de maneira semelhante aos outros serviços do tipo: o app exige um cadastro prévio do usuário, com nome, e-mail e número do celular, e permite que o usuário busque um táxi próximo com um toque. É possível gravar no aplicativo seus endereços favoritos – desta forma não é preciso estar sempre com a localização ligada.

Após o contato ser feito com o taxista, você receberá as informações do carro e a hora estimada de chegada do veículo. Segundo os desenvolvedores, a frota de parceiros do aplicativo é de mais de 10 mil carros. Quando confirmada a corrida, é possível acompanhar em tempo real o trajeto do táxi até você.

Disponível em: Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Belo Horizonte, João Pessoa, Niterói, Ceilândia, Barueri, Campinas, Piracicaba, Guarujá, Americana, Sumaré, Santa Barbara do Oeste, Paulínia, Limeira, Jaguariúna, Hortolândia, Valinhos, Rio Claro e Nova Odessa.

Download: iOS e Android

Apps de TáxiOnde Tem Táxi Aqui?

Se a região onde você mora não possui cobertura de nenhum desses apps, uma alternativa é o Onde Tem Táxi Aqui?, que fornece um mapa para procura de pontos de táxi. Lançado pelo Ministério das Cidades, o aplicativo usa a base de dados do Google para buscar pontos ou empresas de táxi próximos de onde vocês se encontra.

A solução é bem simples: assim que você abrir um app, um botão verde permite que você busque os pontos de táxi mais próximos utilizando a localização do smartphone. Tocando em um dos pontos disponíveis, o nome, endereço e telefone do ponto de táxi surgirá na tela, permitindo que o usuário ligue e peça seu carro.

Disponível em: Todo Brasil

Curiosidades na internet

Designer transforma o famoso DeLorean em um táxi que circula por Nova York

Acesse:http://canaltech.com.br/noticia/geek/Designer-transformou-DeLorean-em-um-taxi-que-circula-por-Nova-York/

O designer Mike Lubrano inovou na hora de criar uma campanha publicitária para uma marca de moda chamada Nooka, de Nova York. A empresa possui uma filosofia futurista e, para passar essa mensagem, Lubrano transformou o famoso DeLorean, dos filmes ‘De Volta para o Futuro’, em um táxi.

O anúncio é o próprio carro, que chama a atenção por onde passa e leva o nome da marca em uma placa que fica em cima do automóvel. O táxi DeLorean é totalmente funcional e circula pela cidade de Nova York, levando os passageiros para onde quiserem.

Quem aí queria dar uma voltinha nesse DeLorean amarelo, apesar dele não nos levar para o futuro?

DeLorean taxi
Curiosidades na internet