Empresa israelense cria capa de celular que substitui chip telefônico

Acesse:http://www1.folha.uol.com.br/tec/2014/02/1417450-empresa-desenvolve-tecnologia-que-elimina-o-chip-telefonico.shtml

Para a Simgo, uma pequena empresa israelense presente no MWC, os SIM cards (também conhecidos como chip de celular) são coisa do passado –especialmente em viagens internacionais.

A start-up desenvolveu uma tecnologia que permite o usuário a trocar de operadora telefônica, inclusive em países diferentes, sem precisar de um novo chip. E o número não muda. Seus contatos podem continuar a ligar, como se você estivesse sempre na mesma rede telefônica.

Assim, em viagens a outros países, as altas taxas de deslocamento para ligações e rede de dados podem ser evitadas.

Divulgação
Simgo, capa que elimina necessidade de usar de chips telefônicos no celular
Simgo, capa que elimina necessidade de usar de chips telefônicos no celular

“Achavamos que seríamos barrados pelas operadoras, mas elas perceberam que a rotatividade de pessoas trocando de rede não resulta em perdas nos números absolutos de clientes”, explicou à Folha Avi Yashar, diretor de operações da companhia.

A solução da Simgo funciona da seguinte forma: um case com uma espécie de chip é colocado no celular (há modelos para Galaxy S2, S3 e S4 e iPhone 4, 4s, 5 e 5s) e o usuário indica em que país está.

O chip virtual, então, faz contato com uma espécie de fazendas de cartões SIM, um banco de dados com chips telefônicos do mundo todo. Por fim, o usuário pode indicar a rede de qual operadora deseja usar.

A Simgo, claro, cobrará pelo serviço. A empresa diz que, tipicamente, a conta fica de 50% a 90% mais barata do que as taxas de deslocamento das operadoras.

Atualmente, a empresa diz estar expandindo suas operações, mas a disponibilidade do serviço depende de acordos com o varejo local. Eles dizem estar presentes em 30 países.

APPLE

A tecnologia da Simgo chama a atenção, pois foi algo que já interessou Apple. No ano passado, foi revelada uma patente da empresa em que ela planejava uma espécie de SIM virtual, com o qual o usuário sempre manteria sua identidade – independentemente da rede telefônica.

Por enquanto, porém, a solução parece não ter avançado. A Simgo diz que já ouviu falar do projeto da Apple, mas que nunca foi procurada. “Nós adoraríamos”, afirma Yashar.

Curiosidades na internet