Poetas e musas

Te deixo as minhas manhãspor Romério Rômulo Te deixo as minhas manhãscomo fossem ventanias.Minhas noites eu entregono colo das tuas mãos. Quando a vida nem pulsarno meu corpo já dormidotua carne terá todaos cadernos do meu tempo Poemas tão abstratosvidas perdidas concretasque o meu amor imensoserá para sempre teu. Minha alforria seráte ver nos cabos […]

Poetas e musas

Um comentário

Os comentários estão fechados.