GVT tem quase 500 vagas abertas pelo Brasil

Acesse:http://olhardigital.uol.com.br/pro/noticia/40009/40009

(Foto: Logo)

A GVT procura 489 profissionais nas regiões Centro-Oeste, Nordeste, Sudeste e Sul para ampliar seu quadro de auxiliares, instaladores, reparadores e supervisores de manutenção e instalação. Os interessados devem cadastrar o currículo no site da operadora.

“Nos concentramos em identificar potenciais e talentos humanos que hoje são considerados imprescindíveis para o sucesso e sustentabilidade do capital intelectual de uma organização”, comenta Juliana Lopes, coordenadora de RH da empresa.

As vagas são disponibilizadas em 36 cidades, mas a companhia não informa quais são elas. A pedido do Olhar Digital, a GVT listou abaixo alguns dos pré-requisitos necessários para concorrer às oportunidades.

Auxiliar
Imprescindíveis:
– Experiência e habilidades com trabalhos manuais técnicos (ferramentas, fios, tomadas, eletricidade).
– Alguma experiência de atendimento ao cliente.
Desejáveis:
– Carteira de motorista B vigente.
– Conhecimento em energia elétrica.
– Curso técnico em telecomunicações ou informática.

Instalador:

Imprescindíveis:
– Experiência na área de Elétrica, Eletrônica ou afins.
– Experiência de atendimento ao cliente.
– Experiência de trabalho em altura.
Desejáveis:
– Capacitação e experiência na tecnologia ADSL e TV por assinatura, em instalação e reparo.
– Conhecimentos técnicos de redes interna e externa.
– Conhecimento de informática (hardware e software), redes de computadores, modem e roteadores.
– Conhecimento do mercado da região.

Reparador

– Experiência com instalação de linhas telefônicas (voz e dados).
– Amplo conhecimento de redes internas.
– Habilidade com trabalho manual técnico.
– Experiência de atendimento ao cliente.
– Experiência de trabalho externo/campo.

Curiosidades na internet

Próxima geração de DSL pode transmitir até 1 Gbps pelo fio de telefone

Acesse:http://canaltech.com.br/noticia/banda-larga/Proxima-geracao-de-DSL-pode-transmitir-ate-1-Gbps-pelo-fio-de-telefone/

internet

Enviar por Email

Uma nova tecnologia pode mudar a internet DSL como a conhecemos. Um novo padrão, chamado G.fast, promete entregar velocidades de transferência de até 1 Gbps, tudo isso utilizando os fios de cobre das linhas telefônicas comuns. Ou seja, nada de instalação de nova infraestrutura, tudo continua funcionando como já é hoje em dia, conforme explica o site Extreme Tech.

O VDSL2, padrão atual, permite velocidades de no máximo 100 Mbps em uma largura de banda de 30 MHz. Isso se deve à forma como as frequências são utilizadas, com diferentes valores para o transporte de dados ou voz, para os telefones convencionais. O G.fast mais do que triplica esse total e o leva a 106 MHz, aumentando assim a eficácia da conexão.

Por outro lado, a nova tecnologia ainda tem seus problemas. A faixa superior onde ela está localizada, por exemplo, entra em conflito com o espectro das rádios FM, o que pode gerar interferências. Além disso, como a frequência usada pela G.fast é muito mais ampla, aumenta a quantidade de linhas cruzadas entre os fios.

O G.fast também deixa as operadoras livres para realizarem cortes na velocidade ou moldar a largura de banda como preferirem, de forma a economizar infraestrutura ou adequar melhor a gama de clientes. Não é a melhor ideia para os consumidores, mas com certeza, uma possibilidade que pode tornar a tecnologia mais fácil de ser adotada em larga escala.

Por enquanto, a novidade ainda está em fase de testes e resolução dos problemas mais comuns. A expectativa é que o G.fast seja finalizado em 2014 e comece a aparecer por aí a partir de 2016.

Curiosidades na internet

Dazz Bluetooth, o fone de ouvido para quem odeia fios

Acesse:http://canaltech.com.br/analise/audio-e-video/Dazz-Bluetooth-o-fone-de-ouvido-para-quem-odeia-fios/

DAZZ DONE BLUETOOTH

Fones com conexão bluetooth ainda são um pouco raros aqui no Brasil, mas oferecem o máximo de praticidade para quem detesta ter fios espalhados por qualquer lugar. Em um cenário ideal, um usuário pode utilizar um notebook com um mouse sem fio e escutar músicas com um fone de ouvido Bluetooth sem ter que conectar um cabo sequer.

O fone de ouvido da Dazz que recebemos para teste se encaixa nesse cenário, sendo capaz de se conectar facilmente a qualquer aparelho que possua conexão Bluetooth, bastando apenas parear os dois. Em nossos testes, conseguimos conectar o fone a smartphones, laptops e a um mp4 com com conexão Bluetooth.

A qualidade de áudio não surpreende, mas também não desaponta, reproduzindo qualquer tipo de música sem destaques especiais. É possível utilizá-lo como um fone de ouvido convencional graças ao cabo P2 incluso na embalagem. Reparamos uma sensível melhora na qualidade do som e possibilidade de escutar músicas com um volume maior.

Algo que nos fez bastante satisfeitos foi o isolamento sonoro desse modelo da Dazz. O formato aberto não sugere nenhum tipo de recurso parecido, o que nos deixou surpresos positivamente. O isolamento só não é melhor devido ao formato das conchas, que são retas e não acompanham o formato do ouvido, o que deixa parte do som escapar.

Confira fotos do gadget:

DAZZ DONE BLUETOOTH DAZZ DONE BLUETOOTH DAZZ DONE BLUETOOTH DAZZ DONE BLUETOOTH DAZZ DONE BLUETOOTH DAZZ DONE BLUETOOTH DAZZ DONE BLUETOOTH DAZZ DONE BLUETOOTH DAZZ DONE BLUETOOTH DAZZ DONE BLUETOOTH DAZZ DONE BLUETOOTH DAZZ DONE BLUETOOTH DAZZ DONE BLUETOOTH DAZZ DONE BLUETOOTH DAZZ DONE BLUETOOTH
DAZZ DONE BLUETOOTH

DAZZ DONE BLUETOOTH slideshow lupa

Não entendemos a escolha de um formato reto, pois embora não cause desconforto com o uso prolongado, não é anatômico, ou seja, não dá para “prender” o fone na cabeça. Qualquer movimento pode fazê-lo cair, e tal característica acaba se tornando um ponto negativo para quem pretende utilizá-lo em movimeto. Mesmo caminhando na rua, tivemos que nos policiar para não mexer a cabeça bruscamente, senão o fone certamente iria cair.

O fone pode não ser recomendado para o usuário em movimento, no entanto, portabilidade não é um problema. Além de ser dobrável, diminuindo pela metade o seu tamanho dentro da mochila, o Dazz traz uma bolsa para transporte, o que certamente o protege contra pancadas e aumenta a sua durabilidade.

O carregamento da bateria interna é feito com um cabo USB-P2 e demora algumas horas para terminar. Não gostamos do fato de não podermos utilizar o fone enquanto ele está carregando, fato que pode ser um ponto negativo também para muitos usuários. A bateria interna durou cerca de 7 horas e meia de reprodução contínua, o que consideramos abaixo do esperado. O ideal para esse tipo de gadget seria 14 horas ou mais, afinal não podemos utilizá-lo enquanto está carregando.

Nos controles do fone podemos aumentar/diminuir o volume e trocar de faixas. É possível atender ligações também, mas como o Dazz não traz microfone embutido, esse recurso acaba sendo inviável na prática, pois temos que tirar o smartphone do bolso e da mochila de qualquer forma.

Conclusão

O modelo Dazz Bluetooth que recebemos pode ser encontrado por cerca de R$ 249 no mercado brasileiro, preço dentro da média para a categoria de fones de ouvido sem fio, mas consideravelmente caro por suas limitações. A baixa duração da bateria aliada ao fato de não podermos utilizá-lo enquanto está carregando tornam-se grandes pontos fracos, tornando o aparelho pouco prático para pessoas que passam o dia inteiro fora de casa.

A qualidade de áudio é aceitável, nem boa nem ruim; ao mesmo tempo que reproduz diferentes frequências sem problemas, ouvidos mais exigentes podem sentir falta do destaque em agudos e graves. O público alvo do Dazz Bluetooth fica restrito a pessoas que trabalham na frente do PC e não gostam de ficar tirando o fio de cima do teclado toda hora. Entretanto, ele não é recomendável para quem pretende utilizá-lo como companheiro do smartphone.

Vantagens

  • Preço dentro do esperado;
  • Qualidade aceitável de áudio;
  • Portátil e com bolsa de transporte.

Desvantagens

  • Bateria com baixa autonomia;
  • Não é possível utilizá-lo enquanto está carregando (nem via cabo);
  • Não fica firme na cabeça.

Curiosidades na internet

Como alisar o cabelo sem formol

Acesse:http://www.mundodastribos.com/como-alisar-o-cabelo-sem-formol.html

Conheça os tratamentos que prometem deixar os cabelos com um liso perfeito sem a ajuda de formol.

cabelo liso é o sonho de consumo de muitas mulheres. Para conquistar o look, elas normalmente investem em tratamentos para alisar as madeixas.

615169 Como alisar o cabelo sem formol 1 Como alisar o cabelo sem formol

Os perigos do formol

Existem várias técnicas que promovem o alisamento dos fios, mas a maioria delas contém formol na fórmula. Esta substância, quando usada em quantidades inadequadas, pode causar sérios prejuízos para a saúde e resultar em queda de cabelo.

O formol é considerado uma substância cancerígena e também pode causar uma série de reações alérgicas, como coceira, queimadura e tosse. Alguns métodos a base de formol que foram proibidos continuam sendo realizados em alguns salões de beleza pelo Brasil.

Opções de alisamento sem formol

Pensando na beleza e o bem-estar feminino, as indústrias cosméticas começaram a desenvolver fórmulas sem formol para alisar as madeixas. A substância foi substituída por outros compostos alisantes permitidos pela legislação, como ácido tioglicólico, hidróxido de sódio e tioglicolato de amônio.

Confira a seguir opções de alisamento sem formol:

615169 Como alisar o cabelo sem formol Como alisar o cabelo sem formol

Saiba mais: Tipos de alisamento que não danificam os cabelos

Escova Ácido Hialurônico
Os produtos com Ácido Hialurônico garantem um cabelo liso, com balanço e movimento. O retoque da escova deve ser feito a cada quatro meses. Preço médio: 300 reais.

Escova Lissé
A Escova Lissé tem como princípio ativo os aminoácidos de queratina e a forma oxidada da cisteína. Além de alisar os fios sem química agressiva, o procedimento também remove totalmente os frizz e reduz o volume. O tratamento deve ser refeito a cada 3 meses. Preço médio: 300 reais.

Escova London
Para promover o alisamento dos cabelos, a Escova London utiliza colágeno hidrolisado e queratina hidrolisada de albumina. O resultado dura em média dois meses e o preço é de a partir de R$ 280.

Escova Orgânica
A Escova Orgânica garante fios lisos e sedosos através da combinação de aminoácidos extraídos da planta acácia. Como não é um procedimento definitivo, ele deve ser refeito a cada 4 meses. Preço médio: R$300.

615169 Como alisar o cabelo sem formol 2 Como alisar o cabelo sem formol

Produtos para escova sem formal

Veja a seguir os nomes de alguns produtos que são usados para alisar o cabelo sem formol:

– Escova de efeito liso Uberliss, Avlon (a base de carbocisteína).

– X-Tenso Moisture, L’Oréal Professionnel (o principal alisante é o tioglicolato de amônio).

– Exohair, Kosmental (os principais ativos são ácidos acético e lático).

– Wellastrate, Wella (concentra tioglicolato de amônio).

– Escova de Monoetalonamina, Lissé Cosméticos (a base de carbocisteína).

Curiosidades na internet

Aprenda como fazer sobrancelhas com linha

Acesse:http://www.mulherbeleza.com.br/rosto/sobrancelhas-com-linha-passo-a-passo/

Existem várias formas de deixar as sobrancelhas bem delineadas e bonitas e uma delas é com linha. Nós do Mulher Beleza trouxemos para vocês todas as informações de como fazer.

Aprenda como fazer sobrancelhas com linha

Aprenda como fazer sobrancelhas com linha ( Foto: Divulgação)

 

As sobrancelhas precisam estar sempre bonitas e bem tiradas porque fazem toda a diferença e embora a maioria das pessoas tirem com pinça e cera, existe um método que é ótimo e que deixa as sobrancelhas perfeitas que é o método de tirar as sobrancelhas com linha.

Uma sobrancelha tirada da forma correta e fazendo o desenho que combina com o seu rosto é o que deixará sua expressão mais bonita, harmoniosa e a maquiagem mais valorizada. Se você não conhece a sobrancelha com linha deixaremos informações bem legais e um passo a passo para que você tente fazer em casa com calma.

A sobrancelha com linha dói menos, deixa a área mais limpa, arranca o pelo pela raiz e não mata o bulbo o que é uma ótima coisa porque caso vocês queiram deixar os pelos crescerem eles não ficarão com falhas. Você pode utilizar esta técnica no corpo todo, evita alergias já que não usa nenhum produto e ainda remove as penugens clareando a pele rapidamente.

Aprenda como fazer sobrancelhas com linha

  • Você terá que pegar uma linha de algodão de um tamanho bom e uni-lo com um nó.
  • Depois de unidas pegue com uma mão e com a outra e torça a linha de forma a segurá-la com firmeza e precisão.
  • Posicione onde está os fios a serem retirados e com movimentos abrindo os dedos vá arrancando os fios que estão em excesso e sempre retirando os pelos na posição contrária ao crescimento.
  • O movimento é fácil abrindo e fechando os dedos e vendo o vídeo abaixo e treinando bastante vocês conseguirão.

Aprenda como fazer sobrancelhas com linha ( Foto: Divulgação)

Aprenda como fazer sobrancelhas com linha ( Foto: Divulgação)

Importante

Muito cuidado para não arrancar fios demais e deixar a sobrancelha diferente, tenha calma e vá aprendendo.

Para vocês entenderem direitinho esta técnica para tirar as sobrancelhas vejam o vídeo abaixo.

Aprenda como fazer sobrancelhas com linha

 

Curiosidades na internet

Dicas para Reduzir o Volume dos Cabelos Dicas para Reduzir o Volume dos Cabelos

Acesse:http://www.mulherbeleza.com.br/cabelos/dicas-para-reduzir-o-volume-dos-cabelos/

Nem toda mulher possui o cabelo lisinho sem volume e sem o efeito frizz, a grande maioria das mulheres brasileiras possui o cabelo liso porém com volume e fios quebrados deixando o cabelo com a aparência de cheios e mal cuidados, mas existe dicas básicas capaz de ajudar a diciplinar os fios.

A hidratação é fundamental para retirar o aspecto ressecado do cabelo, abaixando o volume  além de tratar os fios quebrados o ideal é usar um hidratante a base de ceramidas e silicone, após lavar os fios procure usar um creme para pentear redutor de volume ajudando a diciplinar os fios rebeldes.

O uso do óleo de silicone também ajuda a diminuir bastante o volume, porém a quantidade do produto aos fios deve ser pouco para não deixar cabelo oleoso e pesado, outra dica importante é quando for dormir, penteie bem os cabelos, estique-os bem. Use uma meia calça velha, faça uma touca com ela e coloque sobre a cabeça, durma a noite toda com a touca e os cabelos presos bem esticados em volta da cabeça. Você irá acordar com o cabelo liso e diciplinados.

Curiosidades na internet

Cientistas criam fio para fone de ouvido que pode ser esticado até 8 vezes

Acesse:http://canaltech.com.br/noticia/produtos/Cientistas-criam-fio-de-fones-de-metal-liquido-que-pode-ser-esticado-8x-mais/

Fones de ouvido

Cientistas da Universidade Estadual da Carolina do Norte, Estados Unidos, acabam de criar um fio para fones feito de metal líquido que é capaz de ser esticado até 8 vezes mais do que seu tamanho original sem interromper o som.

O método usado pelos cientistas preenche um tubo de polímero elástico com uma liga de metais em forma líquida, que proporciona a passagem da corrente elétrica. A solução é capaz de manter a condução elétrica e do som, e esticar o fio sem rompê-lo.

“Os esforços anteriores para criar fios elásticos focavam na incorporação de metais ou outros condutores elétricos em polímeros elásticos, mas isso gera um conflito”, afirmou em nota oficial Dr. Michael Dickey, professor assistente de engenharia química e co-autor de um artigo sobre a pesquisa. “Aumentar a quantidade de metal aumenta sua condutividade, mas diminui sua elasticidade. Nossa nova abordagem mantém os materiais separados para que você tenha o máximo de condutividade sem prejudicar a elasticidade. Resumindo, nossos fios são em ordem de grandeza mais elásticos do que os fios mais condutores, e pelo menos em uma ordem de magnitude são mais condutores do que os fios mais elásticos disponíveis atualmente”.

Fio eláticoFoto: Reprodução

Mesmo sendo produtos fáceis de serem produzidos, os cientistas afirmam que um problema em sua produção deve ser resolvido antes dos fios flexíveis estarem disponíveis no mercado. O principal problema do fio é que caso ele seja cortado, pode ocorrer o vazamento dos líquidos metálicos.

Confira abaixo um vídeo demonstrativo da elasticidade do novo fio:

Curiosidades na internet