É possível assistir a filmes 3D em um notebook ou monitor comum?

Acesse:http://www.techtudo.com.br/dicas-e-tutoriais/noticia/2013/12/e-possivel-assistir-filmes-3d-em-um-notebook-ou-monitor-comum-saiba-como.html

Quer assistir filmes em 3D, mas ainda não decidiu investir em um computador novo? Desde o lançamento de Avatar, de James Camerom, um novo método para exibir imagens em três dimensões foi criado, se valendo de óculos polarizados que lêem somente as imagens direcionadas especificamente para cada um dos olhos. A tecnologia ganhou as salas de cinema do mundo todo, além de aparecer em muitos lares que decidiram comprar aparelhos especializados em imagens em 3D.

Infelizmente, sem um aparelho feito para exibir imagens 3D a qualidade nunca será a mesma daquela de monitores especiais com óculos polarizados. Ainda assim, é possível usar a velha tecnologia do 3D anáglifo, isto é, baseado em duas cores que se encontram em extremos opostos do espectro, no caso o azul e o vermelho. O Techtudo criou um guia rápido para quem quer assistir a filmes em três dimensões.

Veja também: impressora 3D que faz pizza e chocolate chega ao mercado em 2014

1) Faça um par de lentes anáglifas para você usar.

Óculos 3D "tradicionais" podem ser comprados ou feitos em casa (Foto: Pond5*)Óculos 3D “tradicionais” podem ser comprados ou feitos em casa (Foto: Pond5)

 

Muitas pessoas já têm estes famosos óculos com uma lente azul e outra vermelha, é muito comum que ele venha junto com revistas e outros produtos que se utilizem de imagens 3D. Caso você não encontre algum para comprar é bem simples fazer o seu.

Tudo o que você precisa é de um plástico translúcido de cada cor, papel celofane também serve se possuir nitidez. Você também poderá pintar ou colar estes materiais em lentes de vidro, já com armações de óculos. Uma armação de cartolina também pode resolver o seu problema e é muito fácil de se criar

Continue lendo…clique aqui…

Curiosidades na internet

Cientistas criam tecido que consegue drenar o suor do corpo

Acesse:http://www.techmestre.com/cientistas-criam-tecido-que-consegue-drenar-o-suor-do-corpo.html

Novidade permite que a roupa possa se manter sempre seca e sem odor.

Bioengenheiros  da Universidade de Califórnia, nos Estados Unidos, criaram um tecido com a capacidade de drenar o suor, apresentando um processo semelhante ao da pele.
.
Eles trabalharam com a microfluídica, uma ciência que estuda o fluxo de líquidos em escalas microscópicas, através de canais que atraem a água e que também a repelem.
.
Os pesquisadores usaram uma malha que consegue repelir o suor, e a combinaram com canais que atraem a água. Dessa forma foi possível criar um sistema de fios que têm a finalidade de absorver o líquido e depois o conduzir para fora do tecido, expelindo o suor.
Cientistas criam tecido que consegue drenar o suor do corpo
Para que o mecanismo permaneça funcionando mesmo que já esteja cheio de suor, os canais trabalham com um sistema de gradiente de pressão. Espera-se que a novidade possa ser usada em breve para materiais esportivos.

Curiosidades na internet

Plástico ‘especial’ pode criar sensação de botões físicos em telas touch

Acesse:http://www.techtudo.com.br/curiosidades/noticia/2013/04/plastico-especial-pode-criar-sensacao-de-botoes-fisicos-em-telas-touch.html

A empresa Stragegic Polymers está desenvolvendo uma tecnologia que vai interessar aos usuários de telas sensíveis ao toque. Os engenheiros criaram um material que pode ser deformado, gerando a sensação de teclas físicas em um display touch toda vez que alguém precisar escrever, por exemplo.

Material que reage a campos elétricos pode garantir teclas físicas a telas touch (Foto: Reprodução)Material que reage a campos elétricos pode garantir teclas físicas a telas touch (Foto: Reprodução)

A companhia pode ter alcançado a tecnologia para a implementação desse tipo de recurso a partir da descoberta de um material plástico capaz de reagir rápido e de maneira sensível ao tato humano. De acordo com a empresa, ele oferece até 10% de deformação.

Historicamente, substâncias que reagem a estímulos físicos e que precisam ser moldados para um formato preestabelecido, acabavam sempre divididas em dois grupos. Há aqueles que sofrem deformações perceptíveis, mas demoram muito para reagir, e os que respondem muito rápido, mas mudam de maneira imperceptível.

O polímero desenvolvido pela companhia funciona aplicando um princípio físico comum a todos os materiais dielétricos (isolantes) conhecidos. Quando submetidos a aplicação de um campo elétrico, eles sofrem alterações em seu formato. Os engenheiros da Strategic Polymers descobriram um elemento que pode ser programado para reagir em padrões predeterminados.

De acordo com a empresa, o produto estará disponível para a indústria no ano que vem. A ideia de ter um aparelho com tela sensível ao toque que mantenha a comodidade de teclados físicos pode ser a próxima grande revolução nos smartphones e tablets.

Curiosidades na internet