Pentágono deve apresentar protótipos de sua “armadura do Homem de Ferro” em junho

Acesse:http://noticias.r7.com/tecnologia-e-ciencia/pentagono-deve-apresentar-prototipos-de-sua-armadura-do-homem-de-ferro-em-junho-13022014

Expectativa é de que o traje TALOS esteja pronto para ir a campo até 2018

Exército americano deve produzir três protótipos da armadura TALOS para testes em junhoDivulgação/Marvel

Os primeiros protótipos da armadura TALOS, desenvolvida pelo exército dos Estados Unidos, devem ser entregue em junho. O projeto para o exoesqueleto, também chamado de “Homem de Ferro” pela semelhança com a armadura do personagem da Marvel, deve dar origem a três cópias para testes.

De acordo com informações do site Defense Tech, a notícia foi anunciada em uma conferência especial do comando de operações especiais dos EUA. O porta-voz da marinha norte-americana William McRaven declarou que as armaduras ainda não devem ter recursos de combate.

Desvendamos a tecnologia do Homem de Ferro

O traje deve passar por um período de avaliação e há expectativa de que esteja pronto para campo em 2018.

— A armadura, se feita corretamente, poderá produzir uma melhoria revolucionária na capacidade de sobrevivência em operações especiais.

A armadura TALOS deve contar com um computador de bordo, sensores de saúde e também uma espécie de “armadura líquida”, desenvolvida pelo MIT, que é capaz de endurecer em questão de milissegundos.

Atualmente, 56 empresas, 16 agências do governo, 13 universidades e dez laboratórios nacionais unem esforços para concretizar o projeto. Os miliares norte-americanos pretendem contratar mais mecânicos para no projeto.

Curiosidades na internet

perto de criar exame de sangue para Alzheimer

Acesse:http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2013/07/130729_alzheimer_exame_sangue_fn.shtml

Exame de sangue (arquivo/Getty)
Fragmentos de código genético parecem diferentes no sangue de pacientes com Alzheimer

Cientistas alemães afirmam que acreditam estar próximos de criar um novo exame de sangue para diagnosticar o mal de Alzheimer.

Ainda não há um exame definitivo para a doença, e os médicos atualmente contam apenas com testes de cognição e exames de imagens do cérebro para identificar o problema.

Um dos grandes desafios relacionados à doença é identicar novas formas de conseguir um diagnóstico precoce.

Com isso, espera-se que, no futuro, talvez até anos antes dos primeiros sintomas, os tratamentos possam começar antes que grandes partes do cérebro sejam comprometidas. Mas, para isso, novos exames serão necessários.

A nova técnica, divulgada na revista especializada Genome Biology, apontou diferenças nos minúsculos fragmentos de material genético flutuando no sangue que poderiam ser usados para identificar pacientes com a doença.

Até o momento, apenas 202 pessoas passaram por este exame, mas a precisão neste grupo foi de 93%.

Níveis diferentes

A equipe da Universidade de Saarland, na Alemanha, analisou 140 microRNAs ̶ fragmentos de código genético ̶ em pacientes com Alzheimer e em pessoas saudáveis.

Eles encontraram 12 microRNAs no sangue que estavam presentes em níveis diferentes nas pessoas que tinham Alzheimer. Estas amostras se transformaram na base do exame.

Os primeiros testes do exame mostraram que ele “conseguiu diferenciar com grande precisão de diagnóstico os pacientes com Alzheimer e as pessoas saudáveis”.

No entanto, mais pesquisas são necessárias para melhorar a precisão do exame e verificar se é possível usá-lo em hospitais.

Eric Karran, da organização de caridade britânica especializada em Alzheimer, a Alzheimer Research UK, afirmou que o novo exame dos cientistas alemães pode representar uma nova abordagem para estudar as mudanças no sangue de pacientes com a doença e também indica que o microRNA tenha influência nos quadros de Alzheimer.

No entanto, para Karran, ainda serão necessários alguns anos para se chegar ao ponto de diagnosticar a doença com um simples exame de sangue.

“Um exame de sangue para ajudar a detectar o Alzheimer pode ser uma adição útil ao arsenal de diagnóstico de um médico, mas este exame deve ser muito bem corroborado antes de ser considerado para o uso.”

“Precisamos ver se essas descobertas são confirmadas em amostras maiores, e é preciso mais trabalho para melhorar a habilidade do exame de diferenciar Alzheimer de outras doenças neurológicas”, acrescentou

Curiosidades na internet

Desenvolvido um composto que torna qualquer parte do corpo transparente

Acesse:http://noticias.seuhistory.com/desenvolvido-um-composto-que-torna-qualquer-parte-do-corpo-transparente

No Japão, um grupo de cientistas especializados em neurologia conseguiu desenvolver um tratamento inovador, capaz de dar invisibilidade a qualquer célula do corpo humano. Caso intensivo, o tratamento poderia dar transparência a um órgão inteiro ou, até mesmo, uma parte do corpo.

O segredo deste avanço reside em experiências feitas em laboratório, com soluções especifícas que modificam o índice refratário de diferentes partes que compõe a anatomia humana. A conclusão dos cientistas foi de que a frutose é a solução ideal para o tratamento, pois em uma temperatura de 37 graus centígrados ela produz um índice de refração adequado e sem riscos para a estrutura dos órgãos manipulados.

Os resultados foram surpreendentes, depois de testes feitos em ratos: cérebros inteiros e alguns outros órgãos ficaram completamente transparentes depois de embebidos por três dias na solução, sem que as estruturas celulares sofressem nenhuma alteração.

Apesar de negativistas ressaltarem a possibilidade de mau uso desta técnica para funções militares, o estudo foi desenvolvido para o campo da medicina. Mais especificamente para facilitar testes e diagnósticos em pacientes sem os riscos físicos ou evitar o alto custo financeiro dos aparelhos de ressonância utilizados atualmente.

Curiosidades na internet

Cinto com sensores permite que pais sintam os chutes dos bebês no útero materno

Acesse:http://www.techmestre.com/cinto-com-sensores-permite-que-pais-sintam-os-chutes-dos-bebes-no-utero-materno.html

Equipamento na barriga materna capta os movimentos dos fetos e transmite simultaneamente aos pais.

Uma novidade promete fazer com que os futuros pais possam ter sensações antes exclusivas das mulheres grávidas. Por meio de um cinto inovador, é possível que eles sintam os chutes dos bebês no útero materno.

O feito é possível graças a um novo produto da empresa argentina Ogilvy & Mather. Ainda em fase de testes, o projeto foi desenvolvido para a marca de fraldas Huggies. Ele se apresenta em dois tipos de cintos.

O primeiro deve ser usado pela mãe, e o outro pelo pai. Os movimentos dos bebês são capturados pelo equipamento utilizado pela mulher, sendo simultaneamente transmitidos ao outro cinto.

Cinto permite que pais sintam os chutes dos bebês no útero materno

Um vídeo promocional foi divulgado, mostrando a emoção dos futuros pais ao sentirem os movimentos dos bebês. Apesar do sucesso, o produto não deve ser comercializado.

Curiosidades na internet

Hospital oferece testes gratuitos de hepatite C a partir desta segunda-feira

Acesse:http://noticias.r7.com/saude/hospital-oferece-testes-gratuitos-de-hepatite-c-a-partir-desta-segunda-feira-13052013

Em dez anos, número de casos da doença aumentou 335% no Estado de São Paulo

Quem tiver interesse em fazer teste gratuito de hepatite C poderá procurar o hospital Heliópolis a partir desta segunda-feira (13). A campanha acontece até a sexta-feira (17), das 8h as 17h e a idade mínima para realização é 18 anos.

De acordo com a Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo, o resultado sai em apenas 15 minutos. Caso o exame dê positivo, o paciente passa por uma consulta médica no mesmo dia. Além disso, ele é acompanhado no ambulatório de hepatites do hospital.

Um levantamento realizado pela Secretaria de Saúde revela que, em dez anos, o número de casos de hepatites B e C aumentou 335% no Estado. As formas mais comuns de transmissão da doença são o uso de instrumentos cortantes e de aplicação, como alicates, lâminas e seringas, além da prática de relações sexuais sem proteção.

Barbeador e alicate podem ser os vilões da hepatite C

Esses dados contribuem para alertar sobre a importância de ações e campanhas sobre o diagnóstico e prevenção da doença, avisa a diretora Cláudia Binelli, do Programa Estadual de Hepatites Virais.

— Essas são as melhores armas para combater a hepatite.

Vacinação

A vacina contra a hepatite B é oferecida gratuitamente nos postos de saúde, das 8h às 17h, para pessoas com até 29 anos e grupos de risco, manicures, usuários de drogas injetáveis, podólogos, profissionais da saúde, entre outros. Segundo a Secretaria, a pessoa precisa tomar três doses da vacina para ficar completamente protegido contra a doença. A terceira dose é feita seis meses após a primeira.

Serviço

Hospital Heliópolis: Rua Cônego Xavier, 276 —  bairro do Sacomã

De segunda-feira (13) a sexta-feira (17)

Horário: das 8h as 17h

Curiosidades na internet

Indiano cria aplicativo para telefone celular que realiza exame de urina

Acesse:http://www.isaude.net/pt-BR/noticia/33892/ciencia-e-tecnologia/indiano-cria-aplicativo-para-telefone-celular-que-realiza-exame-de-urina

Técnica usa câmera para tirar fotos de tiras mergulhadas em amostra de urina e detecta níveis de glicose, proteínas e leucócitos

Imagem: Biosense Technologies

Imagem mostra o funcionamento do aplicativo uChek
Imagem mostra o funcionamento do aplicativo uChek

Equipe de pesquisadores da Índia desenvolveu um aplicativo para smartphone que pode analisar a urina para a presença de até 10 marcadores cobrindo 25 diferentes condições médicas.

O projeto uChek foi liderado por Myshkin Ingawale, que mostrou sua nova invenção na Conferência TED 2013, em Los Angeles.

O novo aplicativo usa a câmera do telefone celular para tirar fotos de tiras químicas que você mergulha em uma amostra de urina. Em seguida, compara-os a um mapa colorido e dentro de alguns segundos, relata os resultados, mostrando os níveis de glicose, bilirrubina, proteínas, cetonas, leucócitos e até 5 outros marcadores em um gráfico que pode ser visto na tela do celular.

A informação é apresentada em um formato fácil de compreender, utilizando resultados positivos ou negativos, ou números, e o usuário pode clicar em palavras-chave como “leucócitos” para mais informações.

Os resultados dos testes de uChek poderiam ajudar as pessoas a controlar o diabetes, e também problemas na bexiga, rins e fígado. Eles também podem revelar uma infecção do trato urinário. O aplicativo também armazena resultados anteriores, tornando assim mais fácil para monitorar as variações.

O aplicativo está atualmente passando por testes em um hospital de Mumbai e caminha através do sistema de aprovação da Apple.

Ingawale espera que em breve ele esteja disponível para iPhone, e depois disso, uma versão do androide também está prevista.

Em um teste inicial com 1.200 amostras, Ingawale revela que o aplicativo apresentou resultados mais precisos do que a análise a olho nu por seres humanos.

“Por um custo de 99 centavos para o app, mais US $ 20 para o pacote de tiras e um mapa das cores, você pode executar uChek em seu smartphone”, explica Ingawale, que enfatiza que o objetivo do aplicativo não é diagnosticar doenças, mas manter os usuários, seus amigos, familiares e até mesmo os médicos, melhores informados sobre questões de saúde.

 Curiosidades na internet

Facebook inicia testes com ferramenta de resposta em comentários

Acesse:http://canaltech.com.br/noticia/facebook/Facebook-inicia-testes-da-ferramenta-de-resposta-em-comentarios/

Facebook Som

Além de iniciar os testes de um ‘barulhinho’ para alertar os usuários do recebimento de notificações, o Facebook anunciou na última semana que também está testando uma nova ferramenta que permite que os usuários respondam a comentários específicos nas postagens da rede social.

“Estamos testando uma nova ferramenta para adicionar comentários a um post no Facebook”, afirmou ao Mashable Meredith Chin, gerente de comunicações corporativas. “Agora, você será capaz de responder a outro comentário, assim como no post original”.

Ferramenta Reply Facebook

Algumas imagens do recurso mostram um novo botão, intitulado ‘Reply’, na parte inferior dos comentários, ao lado do ícone ‘curtir’.

Por enquanto, a ferramenta está disponível apenas para um seleto grupo de usuários da rede e ainda não se sabe quando ela será lançada para os mais de 1 bilhão de usuários ativos do Facebook.

Curiosidades na internet