Qual é a diferença entre vegetarianismo e veganismo?

Colaboradora: Renata Gama

Você acha que vegetarianismo e veganismo são assuntos novos ou da moda? Então, sentimos dizer, mas você se enganou. Muito antes dos hambúrgueres à base de plantas surgirem nas prateleiras dos mercados, o filósofo grego Pitágoras já defendia uma alimentação sem carne, no século 6 a.C,. e com seus seguidores acreditava que todos os animais tinham alma – a justificativa é similar para praticantes de religiões como budismo e hinduísmo, que frequentemente adotam uma dieta sem carne.

A causa também é defendida pelo gênio da computação Bill Gates, que alerta que o mundo deve parar de comer carne para agir contra o aquecimento global e também pelo maior campeão da história da Fórmula 1, Lewis Hamilton, que inaugurou uma rede de fast food de alimentos feitos com plantas em Londres.

É correto dizer que os termos vegetarianismo e veganismo têm se popularizado, e esses modos de vida estão atraindo cada vez mais adeptos. No Brasil, há quase 30 milhões de vegetarianos, o que representa 14% da população, de acordo com dados divulgados pela Sociedade Vegetariana Brasileira, com base na pesquisa feita pelo Ibope em 2018. Seis anos antes, apenas 8% haviam se declarado vegetarianos.

Mas, afinal, qual é a diferença entre vegetarianismo e veganismo? Se você sempre teve dúvidas sobre tipos de alimentação e terminologias, é disso que vamos tratar…

https://www.uol.com.br/ecoa/ultimas-noticias/2021/03/23/qual-e-a-diferenca-entre-vegetarianismo-e-veganismo.htm