Cientistas da USP estudam se há pessoas ‘superimunes’ à Covid | Saúde | Pleno.News

Quando o marido apresentou os primeiros sintomas de Covid-19, a veterinária Thais Oliveira de Andrade, de 44 anos, tinha certeza de que pegaria a doença também. Os dois haviam sido expostos no mesmo momento a uma pessoa contaminada. Por isso, ela não só cuidou do parceiro, como continuou dormindo na mesma cama com ele.

O estado de Erik Soares de Araújo, de 44 anos, agravou-se, e ele acabou internado em uma UTI, onde ficou por quatro dias. Mesmo assim, os exames de Thais continuavam dando negativo…

https://pleno.news/saude/coronavirus/cientistas-da-usp-estudam-se-ha-pessoas-superimunes-a-covid.html