Vida corporativa: Penso, logo procrastino

Por Rodrigo Pinotti* É muito fácil deixar alguma coisa para depois, principalmente se for algo difícil. Não por acaso, embora não haja nenhum estudo confiável disponível, uma análise empírica permite concluir que houve nestes últimos meses houve um aumento sensível na tendência das pessoas em procrastinar decisões e ações importantes, em favor de um cafezinho,…

Vida corporativa: Penso, logo procrastino