Super carro voador faz seu primeiro voo depois de 20 anos de desenvolvimento [VÍDEO]

Acesse:http://noticias.seuhistory.com/super-carro-voador-faz-seu-primeiro-voo-depois-de-20-anos-de-desenvolvimento

A ideia de um carro voador não é nova e existem projetos neste sentido espalhados pelo mundo, porém muitos dos protótipos não passam do famoso teste prático. Este número é ainda menor se levarmos em consideração a beleza e a harmonia do modelo. Porém, um dos carros parece estar causando furor ao preencher todos estes quesitos. Trata-se do Aeromobil 2.5, um projeto da Eslováquia, que está atraindo os olhares do mercado mundial. Seu resultado hoje é fruto de aproximadamente 20 anos de trabalho conjunto. Seu primeiro protótipo realizou um voo em 1990. Este impressionante híbrido de voo ultraleve possui fuselagem de aço tubular e fibra de carbono, o que lhe permite pesar menos de 450 quilos.
.
O motor Rotax 912,é alimentado por um motor Rotax 912, capaz de desenvolver velocidades de até 160 km/h na estrada e 200 km/h no ar. Uma das grandes qualidades do projeto são as asas dobráveis, que funcionam como se fossem uma peça única, o que garante estabilidade e confiabilidade no voo do carro.
.

 Curiosidades na internet

FIAP lança curso gratuito de desenvolvimento de aplicativos para Android

Acesse:http://corporate.canaltech.com.br/noticia/educacao/FIAP-lanca-curso-gratuito-de-desenvolvimento-de-aplicativos-para-Android/

android

A FIAP, instituição especializada no ensino de Gestão e Tecnologia da Informação, acaba de lançar um curso gratuito sobre desenvolvimento de aplicativos para a plataforma Android. O curso é composto por 14 vídeos, que têm duração total de uma hora, que mostram como criar um aplicativo para Android utilizando o App Inventor, recurso que permite que qualquer pessoa crie aplicativos, mesmo sem saber nada de programação.

O curso também inaugura a programação do FIAP X, que é uma iniciativa para a disseminação gratuita de conteúdo educativo digital através de diversos canais e plataformas. “Compartilhar conhecimento é a chave para alavancar a educação no Brasil e encorajar novos empreendedores a fazer a diferença na nossa sociedade”, afirmou em nota Gustavo Gennari, da FIAP.

O FIAP X permitirá que qualquer pessoa com acesso à internet possa fazer cursos online, assistir a vídeos e palestras, ouvir podcasts e ter acesso a diversos materiais produzidos pelos professores e especialistas da faculdade. “O FIAP X está sendo inaugurado com o curso de Android. Em seguida, disponibilizaremos cursos de redes de computadores, virtualização, servidores web, Business Model Canvas, entre outros”, complementa Gennari. O curso de Android com o App Inventor já está disponível no site da faculdade

Curiosidades na internet

Poluição leva à criação de zoológico só com estátuas de animais na Índia

Acesse::http://www.bbc.co.uk/portuguese/videos_e_fotos/2013/07/130725_galeria_india_zoo_cc.shtml

O fotógrafo indiano Tanvi Mishra registrou um zoológico que tem apenas estátuas de animais e atrai muitos visitantes na região de Singrauli, na Índia, próximo à fronteira entre os Estados de Uttar Pradesh e Madhya Pradesh.

Singrauli é uma importante produtora de fontes de energia no país. Usinas de carvão na região geram mais de 12% da eletricidade da Índia. No entanto, Mishra acredita que o desenvolvimento tenha prejudicado o meio ambiente local.

O fotógrafo diz que a poluição explica por quê o zoológico é artificial. Florestas de mais de cem anos foram derrubadas para facilitar a mineração do carvão. Por causa disso, tribos foram deslocadas e a vida selvagem desapareceu.

A atração ─ onde os animais são feitos de concreto e plástico ─ foi criada por uma das companhias estatais de energia que operam na região, a National Thermal Power Corporation.

“O zoológico é um lembrete sombrio do relacionamento que agora existe entre o homem e a natureza”, afirma Tanvi Mishra.

Curiosidades na internet

Ucranianos desenvolvem par de luvas que converte linguagem de sinais em voz

Acesse:http://pme.estadao.com.br/noticias/noticias,ucranianos-desenvolvem-par-de-luvas-que-converte-linguagem-de-sinais-em-voz,2486,0.htm

Sistema venceu espécie de copa do mundo de tecnologia organizada pela Microsoft

Reprodução/Site
Reprodução/Site
Desenvolvedores buscam agora por investimentos para baratear produção de equipamento

Instigados por uma competição internacional de tecnologia, quatro jovens ucranianos desenvolveram um par de luvas capaz de traduzir a linguagem de sinais utilizada por pessoas com deficiência auditiva e de fala para todos os que não estão familiarizados com esse sistema de comunicação.:

O Enable Talke, nome dado ao sistema, consiste em um dispositivo eletrônico que, acoplado a um par de luvas, reconhece os sinais do usuário, transmitindo as informações a um smartphone por sistema de Bluetooth. No dispositivo móvel, um aplicativo converte a informação enviada pelas luvas em um som correspondente.

O protótipo do Enable Talke venceu a categoria projeto de software da Microsoft Imagine Cup 2012. Com produção orçada em US$ 150 por equipamento, os jovens ucranianos buscam, agora, investimentos. A proposta é aplicar recursos no desenvolvimento de alternativas para baratear os custos do produto para algo em torno de US$ 75.

Curiosidades na internet

 

Exoesqueleto auxilia pessoas com dificuldade de locomoção

Acesse:http://canaltech.com.br/noticia/saude/Exoesqueleto-auxilia-pessoas-com-dificuldade-de-locomocao/

X1 Robotic Exoeskeleton

A Agência Espacial Norte-Americana – NASA – está desenvolvendo um novo sistema para seus astronautas que pode servir de grande auxílio também para muitas pessoas aqui na Terra. O X1 Robotic Exoeskeleton está sendo testado e aprimorado com o objetivo de criar mecanismos que auxiliem na locomoção de astronautas no espaço. A tecnologia direcionada a astronautas que utilizarem este tipo de dispositivo já tem até nome: Robonaut – uma mistura de robô com astronauta humano.

Quando estão em locais com pouca ou nenhuma gravidade, os astronautas podem sofrer alguns danos como atrofia muscular e acabam perdendo resposta em movimentos esqueléticos voluntários. Isso ocorre devido à baixa demanda por movimentos mais bruscos ou que exigem mais força para locomoção.

Mas o sistema pretende auxiliar não apenas quem está em uma missão espacial, como também muita gente que sofre de deficiência física, atrofias musculares e dificuldades de locomoção aqui na Terra. Como o exoesqueleto possui um sistema mecânico de movimentação, poderia atribuir a essas pessoas os movimentos necessários para sua locomoção.

Confira a apresentação do exoesqueleto X1 e suas aplicabilidades no vídeo abaixo, realizado pela NASA:

Como o sistema ainda está em fase de desenvolvimento, ele conta com quatro junções motorizadas e seis junções passivas. Dependendo dos resultados dos testes, a equipe de desenvolvimento da NASA poderá aumentar essas junções para acrescentar mais movimentos ao sistema do exoesqueleto.

Até o momento, o X1 Robotic Exoesqueleton pesa 25 quilogramas – o que não é desvantajoso para quem está flutuando em uma área de gravidade zero, mas torna-se extremamente pesado na superfície terrestre. Por isso, é possível também que a equipe reduza o peso do equipamento.

“A robótica desempenha um papel fundamental a bordo da Estação Espacial Internacional e vai continuar sendo crítica para a exploração humana no espaço”, diz Michael Gazarik, diretor do Programa de Tecnologia Espacial da NASA. “O que é mais extraordinário acerca da tecnologia espacial e de nossos trabalhos com projetos como o Robonaut são as possibilidades inesperadas de utilizar esta tecnologia aqui na Terra”, completou.

Curiosidades na internet