Seis dicas ajudam a proteger seu dispositivo de ataques

Acesse:http://olhardigital.uol.com.br/pro/noticia/40408/40408

(Foto: Reprodução)
 inShare

 O crescimento do uso de tablets e smartphones leva ao natural aumento do tráfego de dados móveis. A Cisco fez a conta e estima que até 2018 a alta será de 11 vezes em relação aos números atuais, o que deverá representar 190 exabytes anuais de informação – cada exabyte equivale a um quintilhão de bytes ou um bilhão de gigabytes. Muita coisa, não é?
Com o aumento do tráfego, crescem as ameaças por meio de ataques cada vez mais sofisticados. Para ajudar os usuários a se precaver, a engenheira de segurança da empresa Sourcefire Fabiane Paulino listou seis dicas práticas que podem evitar dores de cabeça na utilização dos dispositivos. Confira:

1. Acesso a conteúdos confiáveis
Em um mundo com hackers cada vez mais especializados, o acesso a sites desconhecidos pode representar uma ameaça potencial. É importante que os usuários tomem cuidado com downloads e ao clicar em links estanhos.

2. Atualizações em dia
Fique de olho se você está usando as últimas versões de aplicativos indicados pelo fabricante. Isso garantirá que qualquer brecha de segurança seja consertada e fará com que o dispositivo móvel esteja menos sujeito a invasões.

3. Cuidado com wireless e bluetooth
Essas duas redes são uma brecha para invasores acessarem dados pessoais ou roubar informações. Desabilite o wireless e/ou bluetooth quando não estiver usando. Também acesse apenas redes conhecidas e cuidado com as públicas.

4. Segurança eficaz
As redes para dispositivos móveis devem ser capazes de reagir a possíveis invasões, principalmente, contra aquelas mais frequentes. É necessário ficar atento às últimas táticas de ataques e ‘blindar’ os sistemas com soluções que reajam antes, durante e depois da invasão.

5. Automatizar as redes
Não se pode reagir a ataques modernos com processos manuais. A proteção de redes só será possível por meio de ferramentas que identifiquem e alertem, de forma inteligente e automática, a respeito de ameaças iminentes nas redes de dispositivos móveis.

6. Integração
É preciso repensar os investimentos em soluções e garantir que arquitetura de proteção adotada seja totalmente integrada e complemente a visibilidade e a análise do ambiente, com controles automatizados.

Curiosidades na internet

iPhone 5c pega fogo e causa queimadura em adolescente nos EUA

Acesse:http://olhardigital.uol.com.br/noticia/40087/40087

(Foto: Divulgação)
.
Uma adolescente de 13 anos da cidade de Kennebunk, nos Estados Unidos, sofreu um acidente infeliz com seu iPhone. O celular, que estava no seu bolso, acabou pegando fogo e causando queimaduras moderadas em sua pele na última sexta-feira.
.
O aparelho em questão era o iPhone 5c, como apontam as informações e a foto logo abaixo, então o celular é relativamente novo, já que ele foi anunciado em setembro do ano passado. Os relatos dizem que a garota escutou um estalo enquanto sentava em sua cadeira e a fumaça começou a sair de seu bolso traseiro, onde estava o dispositivo.

Reprodução

De acordo com o diretor da escola, Jeff Rodman, os seus companheiros de classe vieram ajudar, enquanto o professor buscava um cobertor para abafar o fogo. Enquanto tentavam remover as calças da jovem, o iPhone caiu de seu bolso visivelmente queimado, disse ele ao SeacoastOnline. “Foi algo que eu não acho que as pessoas tinham visto antes. Eu nunca havia visto nada assim”, declarou.

Andrew Palmieri, chefe de atendimento médico emergencial, afirma que a bateria pode ter sofrido um curto-circuito quando a jovem sentou sobre ele.

“As pessoas devem ter cuidado quando colocam o celular no bolso traseiro para não pressioná-lo e causar um curto elétrico”, explicou ele à publicação americana. Segundo Palmieri, as autoridades investigarão o caso. A Apple não se manifestou sobre o assunto, mas nestes casos ela tradicionalmente realiza sua própria investigação para determinar se houve falha técnica de seus produtos.

Curiosidades na internet

Cientistas chineses criam dispositivo de invisibilidade [Vídeo]

Acesse:http://noticias.seuhistory.com/cientistas-chineses-criam-dispositivo-de-invisibilidade-video

Dispositivo de Invisibilidade | Notícias | The History Channel
Cientistas chineses conseguiram desenvolver um dispositivo refratário que fez um gato “desaparecer” e que esperam poder ser utilizado em um futuro próximo no plano militar. Os chineses acreditam firmemente estar no caminho certo para obter a chave da invisibilidade completa.
.
Até agora, o governo chinês já financiou pelo menos 40 grupos de pesquisa dedicados a esta tecnologia, provavelmente sob os auspícios do departamento de defesa. Segundo os próprios pesquisadores, estas pesquisas também contribuirão nos avanços tecnológicos na área civil.
.
Em um vídeo divulgado pela Universidade de Zheijiang é possível observar como o dispositivo fez desaparecer algumas vezes uns peixinhos, dentro de um aquário. O aparelho também foi utilizado na demonstração com um gato. A tecnologia utiliza diversos painéis de cristal hexagonais para distorcer a luz em volta do objeto a ser ocultado.
.
O foco das pesquisas está no desenvolvimento de materiais capazes de desviar a luz dirigida a um objeto, produzindo campos magnéticos para distorcer os átomos luminosos que incidem sobre ele, mimetizando-os com o ambiente que os rodeia.
.
Assista ao vídeo explicativo sobre o dispositivo [EM INGLÊS]
.
 Curiosidades na internet

Vírus em Smart TV alerta para risco da “Internet das coisas”

Acesse:http://idgnow.uol.com.br/mobilidade/2012/12/17/virus-em-smart-tv-alerta-para-risco-da-internet-das-coisas/

“Qualquer nova peça de tecnologia que se conecta à Internet é provavelmente suscetível a ataques”, diz especialista em segurança

A TV inteligente é tão inteligente quanto a pessoa que a controla. Então, se a pessoa no controle é um hacker, o proprietário pode ter problemas.

Os pesquisadores da empresa de consultoria de segurança ReVuln dizem que algumas smart TVs são vulneráveis a invasões. É outro exemplo do que especialistas dizem ser a expansão da “superfície de ataque” de dispositivos que tradicionalmente nunca navegaram na Internet, mas agora são “inteligentes”.

Os pesquisadores da empresa disseram ter encontrado uma vulnerabilidade em algumas smart TVs da Samsung, que permitiam acesso ao aparelho e a todas as unidades USB conectadas.

Eles postaram um vídeo intitulado “The TV is Watching You” (“A TV está observando você”, em tradução livre), que aparece em uma série de sites de fornecedores de segurança, incluindo o da Kaspersky. O vídeo não possui narração e mostra os pesquisadores acessando as configurações da TV e listas de canais, contas SecureStorage, widgets e suas configurações, histórico de filmes USB, ID do dispositivo, firmware, partições inteiras e quaisquer drives de USB conectados.

Eles também foram capazes de recuperar a imagem da unidade, montá-la localmente e verificar informações como nomes de usuários, senhas, informações financeiras ou qualquer outro tipo de material dos drives USB.

Luigi Auriemma, da ReVuln, disse ao IDG News Service que os crackers podem até mesmo usar a webcam e o microfone integrados para “vigiar” a vítima. E ele disse que o problema não se limita ao único modelo que a ReVuln testou. “A vulnerabilidade afeta vários modelos e gerações de dispositivos produzidos pela fabricante e não apenas o modelo específico testado em nosso laboratório”, disse o relatório.

A Samsung não comentou sobre o assunto, mas a ReVuln enviou um comunicado dizendo que não há nenhuma atualização de firmware ainda, “já que os detalhes sobre esta vulnerabilidade não foram compartilhados com o fornecedor”. O comunicado acrescenta que a ReVuln testou apenas televisores Samsung, mas disse: “acreditamos que outras marcas de TV podem ser afetadas por problemas semelhantes”.

Continue lendo… clique aqui…

Curiosidades na internet

Lentes que transformam smartphone em câmera

Acesse:http://www.mundodastribos.com/lentes-que-transformam-smartphone-em-camera.html

Compatíveis com iPhone e smartphones Android, as nova lentes lançadas pela Sony transformam os celulares em poderosas câmeras, capazes de tirar fotos de altíssima qualidade e de gravar vídeos em Full HD.

Muitos proprietários de smartphones frequentemente reclamam da qualidade das fotos e dos vídeos registrados a partir da câmera dos seus celulares, que na maioria das vezes é bem inferior à qualidade das imagens obtidas por meio de câmeras digitais, mesmo nos modelos mais simples.

653788 lentes que transformam smartphone em camera 600x600 Lentes que transformam smartphone em câmera

Tais reclamações têm feito com que as fabricantes de smartphones invistam em aparelhos que trazem câmeras mais poderosas, como é o caso do Galaxy S4 Zoom, uma versão diferenciada do modelo top de linha da Samsung, que vem com câmera de 16 megapixels.

No caso da Sony, a empresa japonesa resolveu oferecer uma alternativa ainda mais inovadora, lançando lentes que transformam smartphone em câmera, possibilitando ao usuário acoplar tais acessórios ao celular, fazendo com que ele ganhe uma nova e mais poderosa opção para tirar fotos e gravar vídeos com o seu dispositivo móvel.

QX SMART LENS SONY

653788 lentes que transformam smartphone em camera 1 600x600 Lentes que transformam smartphone em câmera

Chamadas “QX Smart Lens”, as lentes apresentadas pela Sony na IFA 2013, feira de tecnologia que acontece em Berlim, na Alemanha, estarão disponíveis em duas opções, que de acordo com a fabricante asiática, oferecem qualidade de imagens comparáveis às câmeras digitaisDSLR da marca.

O modelo mais simples, conhecido como “Sony QX10”, tem lentes com abertura de f/3.3-f/5.9 e sensor de 18 megapixels, trazendo zoom de 10 vezes e suportando ISO 3200.

653788 lentes que transformam smartphone em camera 2 600x600 Lentes que transformam smartphone em câmera

Já a versão top de linha, chamada “Sony QX100”, traz sensor ótico Carl Zeiss, abertura de f/1.8-f/4.9, resolução de 20.2 megapixels, ISO 6400 e a tecnologia de processamento de imagens Bionz, que fornece mais agilidade à câmera.

COMO ELAS FUNCIONAM

653788 lentes que transformam smartphone em camera 3 600x600 Lentes que transformam smartphone em câmera

As novas lentes da Sony que transformam o celular em câmera são acopladas ao smartphone através de clips, como um acessório extra, e se comunicam com o aparelho por meio das conexões Wi-Fi ou NFC. As lentes trazem ainda slots de cartão de memória, para armazenamento das imagens, bateria, microfone e processador próprio.

Dessa forma, a tela do celular passa a funcionar como uma espécie de visor para as lentes, permitindo também o acesso às funções de disparo, configurações, backup e o compartilhamento das fotos e vídeos nas redes sociais.

A boa notícia é que elas são compatíveis com a maioria dos smartphones Android e também com o iPhone, segundo a Sony, podendo ser utilizada em uma ampla gama de celulares, que registrarão fotos e vídeos de alta qualidade.

PREÇOS DAS LENTES QUE TRANSFORMAM SMARTPHONE EM CÂMERA

653788 lentes que transformam smartphone em camera 4 600x600 Lentes que transformam smartphone em câmera

Com previsão de chegada às lojas da Europa e dos Estados Unidos a partir do dia 27 de setembro, as lentes que transformam smartphone em câmera já podem ser encontradas no esquema de pré-venda através do site da Amazon, nas cores preta ou branca.

lente Sony QX10 custa a partir de US$ 250,00, o equivalente a R$ 573,30, pela cotação do dólar no dia 6 de setembro de 2013. Já a lente Sony QX100 tem preço de US$ 500,00 (R$ 1.146,60, também pela cotação atual, em conversão direta).

Ainda não há previsão de chegada desses acessórios ao mercado brasileiro.

Curiosidades na internet

Windows Phone conceitual tem menu categorizado e borda iluminada colorida

Acesse:http://www.techtudo.com.br/curiosidades/noticia/2013/05/windows-phone-conceitual-tem-menu-categorizado-e-borda-iluminada-colorida.html

A chegada de um smartphone fabricado pela Microsoft ainda não passa de rumores, mas os fãs já estão ansiosos com a ideia. É o caso do designer KuanGaa Chen, que criou o conceito de um aparelho com aparência bem inovadora, o Surface-N, que contaria com novas funções interessantes até mesmo no sistema operacional Windows Phone.

Celular conceitual tem bordas coloridas (Foto: Reprodução/YouTube)Celular conceitual Microsoft Surface-N tem bordas coloridas (Foto: Reprodução/YouTube)

Publicado em formato de vídeo no YouTube pelo internauta Cullen Sun, o dispositivo aparece em uma filmagem que mostra grande parte de seus detalhes. O aparelho tem um visual bem retangular, com uma borda bem fina e iluminada em várias cores, e apresenta uma interface adequada ao padrão Windows.

O conceito ainda demonstra uma janela de notificações, um novo menu de aplicativos, câmera Light Field com filmagem até em 4K, projeção de imagens holográficas, mapas Real World e temas que mudam de cor. Tudo isso com o slogan “A revolução da interatividade”. As ideias são realmente bem impressionantes, e dão uma cara interessante ao Windows Phone.

Foi o bastante para conquistar o público no YouTube, já que o vídeo tem mais de 64 mil visualizações e 146 comentários. Dentre eles, o mais curtidos pelos outros internautas, diz: “Microsoft, por favor, contrate a pessoa que fez este vídeo”.

Confira o vídeo do projeto conceitual:

 Curiosidades na internet

Pesquisador cria câmera que simula visão panorâmica semelhante à de moscas

Acesse:http://www1.folha.uol.com.br/tec/2013/05/1272705-pesquisador-cria-camera-que-simula-visao-panoramica-semelhante-a-de-moscas.shtml

Inspirados na natureza, engenheiros montaram uma câmera que usa equipamentos eletrônicos expansíveis capazes de captar as imagens do mundo com um amplo campo de visão sem distorções, como os olhos das moscas, afirmaram nesta quarta-feira.

O dispositivo digital, que tem uma série de lentes minúsculas e maleáveis, semelhantes aos olhos de formigas, besouros e lagostas, também permite uma quase infinita profundidade de campo e alta sensibilidade a movimentos, escreveu a equipe em artigo na revista “Nature”.

“Nós descobrimos formas de fazer câmeras que incorporam todas as características essenciais de desenho dos olhos encontrados no mundo dos insetos”, afirmou à AFP o co-autor do estudo, John Rogers, do departamento de engenharia da Universidade de Illinois.

“O resultado é um novo tipo de câmera que oferece um campo de visão excepcional (de quase 180 graus), sem aberrações e intensidade de iluminação uniforme”, acrescentou.

AFP
Imagem de divulgação da câmera criada por John A. Rodges, da Universidade de Illinois: visão 180 graus como a de uma mosca
Imagem de divulgação da câmera criada por John A. Rodges, da Universidade de Illinois: visão de quase 180 graus, como a de uma mosca

A maior parte das câmeras clássicas imita o funcionamento do olho animal: a luz refletida sobre um objeto passa pelas lentes que se inclinam e focam a luz na retina, na parte traseira do órgão, onde células nervosas a convertem em impulsos elétricos enviados ao cérebro, que produz a imagem.

Estes sistemas de lentes simples têm um campo de visão limitado, mas os insetos e outras espécies com olhos compostos de unidades múltiplas denominadas omatídia desfrutam de visão panorâmica.

“A natureza desenvolveu e refinou estes conceitos ao curso de bilhões de anos de evolução”, disse Rogers.

Lentes de câmeras convencionais simples e de amplo ângulo, como lentes olho de peixe, distorcem a imagem periférica por causa de uma divergência entre a luz que entra pela superfície curva de uma lente apenas para ser capturada por um detector plano.

A maior parte dos eletrônicos utilizada em detectores é feita de um silicone frágil que não pode ser dobrado.

Para desenvolver a câmera, a equipe criou dispositivos eletrônicos elásticos para produzir um detector que possa se curvar na mesma forma hemisférica das lentes, eliminando assim a distorção.

A câmera, de cerca de 1,5 centímetro de diâmetro, tem 180 lentes em miniatura, cada uma com seu próprio detector, similar ao número encontrado nos olhos das formigas de fogo e dos besouros-bicudos.

As libélulas têm cerca de 28 mil lentes e as formigas operárias, cerca de 100.

Os dispositivos eletrônicos e as lentes são ambos planos quando produzidos, o que permite que sejam fabricados com os métodos existentes.

“Esta é a chave da nossa tecnologia”, afirmou em um comunicado o co-autor da pesquisa, Jianliang Xiao, professor assistente de engenharia elétrica da Universidade do Colorado, em Bouldert.

“Podemos fabricar um sistema eletrônico que seja compatível com a tecnologia atual. Em seguida, podemos aumentar sua escala”, acrescentou.

A tecnologia poderá ser útil em câmeras de vigilância e geração de imagens em endoscopias, afirmou Rogers.

Mas a comercialização ainda está distante, já que uma câmera útil provavelmente precisaria de milhões de combinações, o que necessita de muitos investimentos na capacidade de manufatura.

Curiosidades na internet