Vírus em Smart TV alerta para risco da “Internet das coisas”

Acesse:http://idgnow.uol.com.br/mobilidade/2012/12/17/virus-em-smart-tv-alerta-para-risco-da-internet-das-coisas/

“Qualquer nova peça de tecnologia que se conecta à Internet é provavelmente suscetível a ataques”, diz especialista em segurança

A TV inteligente é tão inteligente quanto a pessoa que a controla. Então, se a pessoa no controle é um hacker, o proprietário pode ter problemas.

Os pesquisadores da empresa de consultoria de segurança ReVuln dizem que algumas smart TVs são vulneráveis a invasões. É outro exemplo do que especialistas dizem ser a expansão da “superfície de ataque” de dispositivos que tradicionalmente nunca navegaram na Internet, mas agora são “inteligentes”.

Os pesquisadores da empresa disseram ter encontrado uma vulnerabilidade em algumas smart TVs da Samsung, que permitiam acesso ao aparelho e a todas as unidades USB conectadas.

Eles postaram um vídeo intitulado “The TV is Watching You” (“A TV está observando você”, em tradução livre), que aparece em uma série de sites de fornecedores de segurança, incluindo o da Kaspersky. O vídeo não possui narração e mostra os pesquisadores acessando as configurações da TV e listas de canais, contas SecureStorage, widgets e suas configurações, histórico de filmes USB, ID do dispositivo, firmware, partições inteiras e quaisquer drives de USB conectados.

Eles também foram capazes de recuperar a imagem da unidade, montá-la localmente e verificar informações como nomes de usuários, senhas, informações financeiras ou qualquer outro tipo de material dos drives USB.

Luigi Auriemma, da ReVuln, disse ao IDG News Service que os crackers podem até mesmo usar a webcam e o microfone integrados para “vigiar” a vítima. E ele disse que o problema não se limita ao único modelo que a ReVuln testou. “A vulnerabilidade afeta vários modelos e gerações de dispositivos produzidos pela fabricante e não apenas o modelo específico testado em nosso laboratório”, disse o relatório.

A Samsung não comentou sobre o assunto, mas a ReVuln enviou um comunicado dizendo que não há nenhuma atualização de firmware ainda, “já que os detalhes sobre esta vulnerabilidade não foram compartilhados com o fornecedor”. O comunicado acrescenta que a ReVuln testou apenas televisores Samsung, mas disse: “acreditamos que outras marcas de TV podem ser afetadas por problemas semelhantes”.

Continue lendo… clique aqui…

Curiosidades na internet