Chinesa Lenovo ultrapassa HP e vira líder do mercado de computadores

Acesse:http://www1.folha.uol.com.br/mercado/1167647-chinesa-lenovo-ultrapassa-hp-e-vira-lider-do-mercado-de-computadores.shtml

A chinesa Lenovo superou a HP (Hewlett-Packard), um dos ícones do Vale do Silício, e se tornou a maior fabricante mundial de computadores no terceiro trimestre deste ano, segundo dados da empresa de pesquisas Gartner.

A IDC, concorrente da Gartner, ainda apresenta a HP como líder do setor em termos de embarques mundiais por uma diferença de menos de meio ponto percentual.

Os embarques globais de computadores pessoais caíram 8% no terceiro trimestre, segundo a Gartner, para 87,5 milhões de unidades –a maior queda desde 2001.

Os dados de ambas empresas mostram que a nova presidente-executiva da HP, Meg Whitman, terá ainda mais desafios ao tentar reestruturar a companhia de 73 anos de existência.

Lenovo e Windows 8

 Ver em tamanho maior »

O ultrabook híbrido da Lenovo Yoga 11, cuja tampa pode ser girada em 360 graus até encontrar sua base; a tela é de 11,6 polegadas e sensível ao toque; lançamento acontece em novembro

O crescimento da demanda por computadores começou a perder força ao longo do ano passado, com cada vez mais consumidores migrando para tablets e smartphones mais potentes.

Os dados mostraram também que Lenovo, Acer e outras fabricantes asiáticas estão tomando espaço das americanas HP e Dell –que ficou na terceira posição no último trimestre.

A ascensão da Lenovo reflete o avanço das empresas chinesas de tecnologia, resultado de preços competitivos, aquisições internacionais e crescimento no mercado doméstico.

LENOVO VS. HP

Ela conquistou a liderança pela primeira vez ao elevar sua fatia de participação para 15,7% do mercado, com embarques de 13,77 milhões de unidades no período –alta anual de 10%.

A HP, por sua vez, ficou com 15,5% do mercado de computadores, com embarques de 13,55 milhões de unidades –queda de 16,4% ante um ano atrás.

É a primeira vez que a americana não ocupa o topo do ranking desde 2006.

Curiosidades na internet