Cientistas reconstroem cenário de perseguição pré-histórica de dinossauros

Acesse:http://noticias.r7.com/tecnologia-e-ciencia/cientistas-reconstroem-cenario-de-perseguicao-pre-historica-de-dinossauros-03042014

Pesquisadores usaram fotografias antigas para reconstruir o local da perseguição

Pegadas foram deixadas no leito de um rio há mais de 110 milhões de anosRoyal Veterinary College

Cientistas reconstruíram digitalmente o “cenário” de uma perseguição de dinossauros – o local, com pegadas de dois dinossauros, havia sido descoberto preservado em 1940, no leito de um rio que secou no Estado do Texas.

As pegadas foram deixadas há mais de 110 milhões de anos.

Há 70 anos, toda a faixa de terra com as pegadas foi removida do leito do rio e dividida em blocos, que foram levados a diferentes locais para serem estudados.

Ossos de dinossauro de 80 milhões de anos são descobertos em Utah

Alguns desses blocos foram perdidos, mas o time de cientistas conseguiu usar antigas fotografias para reconstruir o local.

A pesquisa foi divulgada na publicação científica Plos One.

Cenário reconstruído

O responsável pelo estudo, Peter Falkingham, da Royal Veterinary College em Londres, disse que ele e seus colegas usaram apenas 17 fotos tiradas pelo paleontólogo americano Roland T. Bird, o primeiro a escavar o local em 1940.

As pegadas são de dois dinossauros, um grande saurópode herbívaro e um terópoda carnívoro – do grupo dos maiores predadores do qual também pertencia o tiranossauro. Falkingham disse que, em alguns lugares, as pegadas do terópoda estão sobre as pegadas do saurópode.

— Isso significa que o terópode veio depois. Por isso, Bird interpretou isso como uma caçada de um terópode a um saurópode.

Bird também desenhou mapas de toda a área no entorno do rio Paluxy, no Texas. Mas, desde então, alguns dos blocos da faixa de terra dividida se perderam.

Esse estudo permitiu que todo o “cenário de perseguição”, de 45 metros, pudesse ser recriado a partir desde que foi removido e dividido.

Continue lendo…clique aqui

Curiosidades na internet

Aprenda a tirar manchas de pele e espinhas com o Gimp

Acesse:http://www.techtudo.com.br/dicas-e-tutoriais/noticia/2013/05/aprenda-tirar-manchas-de-pele-e-espinhas-com-o-gimp.html

O Gimp é tem um ótimo recurso para retirar cravos, espinhas e outras manchas de pele de fotografias. Veja aqui como conseguir uma pele perfeita usando a ferramenta Clonagem deste editor de imagens gratuito.

Pele sem marcas de espinha, após tratamento de imagem no Gimp (Foto: Reprodução/Raquel Freire)Pele sem marcas de espinha, após tratamento de imagem no Gimp (Foto: Reprodução/Raquel Freire)

Passo 1. Abra o Gimp e selecione a foto a ser retocada;

Passo 2. Selecione a ferramenta Clonagem, que transfere uma textura de um ponto da imagem para outro. Escolha um pincel redondo e sólido, com tamanho pequeno (neste exemplo, espessura 10);

Tela inicial com foto ainda não editada (Foto: Reprodução/Raquel Freire)Tela inicial com foto ainda não editada (Foto: Reprodução/Raquel Freire)

Passo 3. Para facilitar o trabalho, aumente o zoom da imagem. Segurando a tecla Ctrl, dê um clique em uma área “limpa” da pele mais próximo possível à mancha ou acne que deseja remover;

Ferramenta de Clonagem sendo usada em imagem ampliada (Foto: Reprodução/Raquel Freire)Ferramenta de Clonagem sendo usada em imagem ampliada (Foto: Reprodução/Raquel Freire)

Passo 4. Agora clique sobre a macha e perceba que ela desapareceu;

Mancha localizada ao lado da área selecionada foi removida (Foto: Reprodução/Raquel Freire)Mancha localizada ao lado da área selecionada foi removida (Foto: Reprodução/Raquel Freire)

Passo 5. O procedimento é este. Repita quantas vezes forem necessárias, de modo a eliminar todas as marcas na pele indesejadas. O resultado pode ser conferido no início deste tutorial.

Meio do processo de retirada das manchas (Foto: Reprodução/Raquel Freire)Meio do processo de retirada das manchas (Foto: Reprodução/Raquel Freire)
Curiosidades na internet

Xperia ZR: Sony anuncia smartphone capaz de filmar e fotografar embaixo d’água

Acesse:http://www.techmestre.com/xperia-zr-sony-anuncia-smartphone-capaz-de-filmar-e-fotografar-embaixo-dundefinedagua.html

Modelo funciona em até 1,5 metros de profundidade e durante um tempo de 30 minutos.
A Sony anunciou um novo smartphone para sua linha. Trata-se do Xperia ZR, um modelo que permite capturar imagens embaixo d’água.

O gadget é capaz de permanecer durante 30 minutos submerso sem gerar nenhum dano ao aparelho. Ele pode atingir profundidade de até 1,5 metros.

Sua câmera de 13 MP conta com resolução full HD para registrar fotografias e vídeos (grava em HDR por padrão). A tela é de 4,6 polegadas, com resolução de 1280 x 720 pixels.

O processador é um quad-core Snapdragon S4 Pro, com GPU Adreno 320 e 2 GB de memória RAM. Ele ainda traz sistema operacional Android 4.1 Jelly Bean e pode ser encontrado nas mais variadas cores.

A expectativa é de que chegue ao mercado até junho deste ano. A Sony não confirmou a data precisa e preço do Xperia ZR.

Fonte: Mashable

Curiosidades na internet

Novo aparelho é capaz de revelar fotos direto da tela do iPhone

Acesse:http://www.techmestre.com/novo-aparelho-e-capaz-de-revelar-fotos-direto-da-tela-do-iphone.html

 Um novo projeto do Kickstarter traz uma maneira inovadora de revelar fotos de iPhones. O Instant Lab é um dispositivo que transforma imagens digitais do smartphone da Apple em fotografias instantâneas com estilo Polaroid.

Desenvolvido pelo Impossible Project, a novidade utiliza a luz do visor do iPhone para captar a imagem. Através de recursos químicos a cópia física da fotografia é impressa pelo próprio aparelho.

O Instant Lab possui um suporte para o iPhone, sendo necessário acoplar o mesmo neste e abrir o obturador. Após um sinal sonoro sua foto é revelada instantaneamente, a qual se apresenta no estilo Polaroid.

O produto possui uma bateria recarregável, suporte para o iPhone 4 e 4S e compatibilidade com filmes instantâneos para a Polaroid SX 600 e 70. A meta de arrecadação de US$ 250 mil foi ultrapassada no Kickstarter, o que garante que a novidade realmente será desenvolvida.

A previsão de lançamento é para meados de 2013. Os modelos disponíveis serão divididos em uma opção básica e outras duas especiais. A primeira deve contar com um filme para a câmera, sendo vendida por US$ 149 (R$ 250 sem impostos). As versões Black e Gold serão vendidas respectivamente por US$ 299 e US$ 2.000 (R$ 600 e R$ 4.000).

Curiosidades na internet

Como gerenciar suas músicas no PS3 e criar listas de reprodução

Acesse:http://www.techtudo.com.br/dicas-e-tutoriais/noticia/2013/04/como-gerenciar-suas-musicas-no-ps3-e-criar-listas-de-reproducao.html

Muito mais que um vídeo game da atual geração, o PlayStation 3 é uma central de multimídia, com inúmeras ferramentas para se gerenciar fotografias, filmes e músicas. Além do suporte que alguns jogos oferecem para arquivos em geral, o usuário pode utilizar o aparelho como um avançado player de áudio, ouvindo suas canções favoritas de maneira direta e até podendo criar listas de reprodução aleatórias.

O PlayStation 3 oferece recursos avançados em seu player de áudio. (Foto: Reprodução)O PlayStation 3 oferece recursos avançados em seu player de áudio. (Foto: Reprodução / Techtudo)

Formatos de arquivo

Existem diversas maneiras de se passar arquivos para o console da Sony, porém os formatos de mídia que podem ser reproduzidos são limitados. A empresa oferece suporte total para aquivos de áudio em formato MP3, MPEG-1/2 Audio Layer3, MP3 Surround, MP4(MPEG-4 AAC), WAVE(PCM linear) e WMA. O aparelho também reproduz Áudio Memory Stick(ATRAC), porém para ativar a leitura, o usuário deve ir até Configurações e clicar em Habilitar o tipo desejado.

Músicas através do Pen Drive

Os interessados podem passar arquivos do Pen Drive diretamente para o console. Para obter êxito no processo, é necessário criar uma pasta na raiz do dispositivo chamada “PS3” e inserir dentro dela outra pasta intitulada “MUSIC”.

Os arquivos de áudio devem ser inseridos no diretório. Também é possível acessar o conteúdo pressionando triângulo e solicitando a exibição de tudo que está inserido na memória móvel.

Os interessados podem inserir músicas pelo Pen Drive ou CD. (Foto: Reprodução)Os interessados podem inserir músicas pelo Pen Drive ou CD. (Foto: Reprodução)

Músicas através de mídia física

Caso o usuário não tenha nenhum Pen Drive, também é possível copiar arquivos de mídia física. Lembre-se sempre que alguns CDs possuem bloqueio por direitos autorais, o que impede a cópia da música. Após inserir o disco, os usuários devem pressionar o botão “triângulo” na faixa, e em seguida clicar em Copiar.

Criando listas de reprodução

Os usuários também podem criar listas de reprodução com conteúdos de álbuns distintos. Para isso, basta acessar o menu “Música” e clicar em “Listas de Reprodução”. Vá até “Criar Nova Lista de Reprodução” e em seguida dê o nome desejado à pasta. Siga até o arquivo e pressione o botão “triângulo” para poder editar a relação de canções. Escolha as músicas e encaminhe para o menu disponibilizado no lado direito para concluir os passos.

É possível adicionar conteúdo à lista de maneira intuitiva e rápida. (Foto: Reprodução) (Foto: É possível adicionar conteúdo à lista de maneira intuitiva e rápida. (Foto: Reprodução))É possível adicionar conteúdo à lista de maneira intuitiva e rápida. (Foto: Reprodução)
Curiosidades na internet

Rede social de fotos, 500px lança nova ferramenta de portfólios online

Acesse:http://www.techtudo.com.br/noticias/noticia/2013/04/rede-social-de-fotos-500px-lanca-nova-ferramenta-de-portfolios-online.html

O site 500px já faz bastante sucesso entre fotógrafos profissionais e amadores, mas a ideia da companhia é de ampliar sua área de atuação. E, nesta sexta-feira (12), entra no ar o mais novo projeto do site: uma ferramenta de criação de portfólios online. Com uma variedade de opções para assinantes da plataforma, o recurso promete auxiliar a quem precisa de um local para exibir seu trabalho na Internet.

Portfólios do 500px tornam exibição de fotos simples e bonita (Foto: Divulgação) (Foto: Portfólios do 500px tornam exibição de fotos simples e bonita (Foto: Divulgação))Portfólios do 500px tornam exibição de fotos simples e bonita (Foto: Divulgação)

A ferramenta terá opções de customização variadas e que podem tanto ser simples, para quem não tem noção de codificação, como também mais avançadas, gerando também a possibilidade de editar o CSS completo do portfólio. A ideia do serviço é bastante simples: disponibilizar maneiras diferenciadas de publicar trabalhos na web.

“O Portfólio é baseado em três princípios: beleza, unidade e facilidade. Você pode exibir suas fotos de maneira bonita, com layouts recheados de opções de interação. Customizar a página dura só alguns minutos, assim como enviar fotos. E você pode criar a cara do seu portfólio à vontade”, diz o comunicado do 500px à imprensa.

Dois diferenciais interessantes do portfólio, além das variadas maneiras de organizar as fotografias, são uma loja embutida com a opção de permitir a venda das imagens daquele usuário, e também um blog, para interação com quem visitar a página. Você ainda pode redirecioná-lo para um domínio que tenha registrado.

Fotos compartilhadas na rede social  (Foto: Reprodução/500px)Fotos compartilhadas na rede social (Foto: Reprodução/500px)

O portfólio será disponibilizado a partir do início de maio, somente para assinantes do 500px ou quem pretende contratar um plano. São duas opções: o plano Plus, que vai custar US$ 25 ( R$ 50) por ano, a partir de maio, e o Awesome, por US$ 75 (R$ 150). Interessados em testar o serviço antes disso podem entrar em contato com o 500px.

500px é um sucesso no Brasil

O 500px revelou ao TechTudo alguns números de sua rede social para fotógrafos no Brasil e as estatísticas chegam a ser surpreendentes. Os brasileiros formam uma das maiores comunidades de um país na página. No ano passado, o site cresceu muito e virou uma ferramenta bem conhecida.

O Brasil teve 150% de crescimento no último ano, com um total de 2.5 milhões de pessoas “descobrindo” o site em 2012. São Paulo é a cidade com mais usuários do país no site e a média de tempo gasto por usuários brasileiros no 500px é de sete minutos.

Curiosidades na internet

Sony lança Cybershot DSC-TF1, câmera à prova de água, queda e poeira

Acesse:http://www.techtudo.com.br/lancamentos/noticia/2013/04/sony-lanca-cybershot-dsc-tf1-camera-a-prova-de-agua-queda-e-poeira.html

Sony acaba de lançar a DSC-TF1, uma câmera ultra resistente à prova d’água, quedas, poeira e grandes variações de temperatura. Assim como as outras da família Cybershot, esta compacta é destinada ao público que se preocupa principalmente com a portabilidade do equipamento. Leve, ela pesa aproximadamente 109 g e mede 102,4 x 62 x 22,7 mm.A

Câmeras Sony DSC-TF1 chegam nas cores vermelha, preta e azul (Foto: Divulgação)Câmeras Sony DSC-TF1 chegam nas cores vermelha, preta e azul (Foto: Divulgação)

Disponível nas cores vermelha, azul e preta, o produto chega ao mercado brasileiro pelo custo de R$ 699, acompanhando cartão de memória de 8 GB. Embora não se compare a equipamentos profissionais, a nova Cybershot não deixa a desejar em termos de qualidade de imagem. Ela tem resolução de 16,1 megapixels, visor LCD de 2,7 polegadas e zoom óptico de 4x, além de ser capaz de gravar vídeos em HD.

Cybershot é à prova de água, queda e poeira (Foto: Divulgação)Cybershot TF1 é à prova de água, queda e poeira
(Foto: Divulgação)

A durabilidade da DSC-TF1 a torna ideal para quem pratica esportes ou carrega câmera fotográfica para todo canto, como praia e piscina. Você pode derrubá-la de uma altura de até 1,5 m, mergulhá-la em água a até 10 m de profundiodado ou usá-la em temperaturas entre -10 ºC a 40 ºC; ela vai aguentar o tranco.

Graças à tecnologia Stead Shot, ela é capaz de capturar fotografias nítidas mesmo com tremulação das mãos ou equipamentos esportivos. A DSC-TF1 ainda conta com recurso de foto panorâmica em 360º e de edição de imagem. O menu diversão possui 12 modos de seleção de cena e quatro opções de efeitos diferentes, que permitem alterar as fotos antes mesmo de compartilhá-las com os amigos.

Curiosidades na internet