Citação

Digitimes: time-of-flight 3D sensor coming to rear camera in 2020 iPhone — 9to5Mac | CURIOSIDADES

A Digitimes report this morning claims that Apple is working with supply chain partners to ready a time-of-flight 3D sensing camera system for the rear camera. This feature would debut in the 2020 iPhone revision. A time-of-flight VCSEL is similar to the infrared TrueDepth camera system found in iPhones today on the front of the…

via Digitimes: time-of-flight 3D sensor coming to rear camera in 2020 iPhone — 9to5Mac

Facebook vai desativar mensagens no app para smartphones

Acesse:http://noticias.r7.com/tecnologia-e-ciencia/facebook-vai-desativar-mensagens-no-app-para-smartphones-10042014

Usuários vão ter que fazer download do Messenger para continuar a enviar mensagens

Facebook começou a notificar usuários europeus para que façam download do MessengerReprodução/Facebook

Usuários do Facebook não vão mais poder enviar mensagens usando o aplicativo da rede social nos smartphones. Para enviar mensagens, os internautas vão ter que fazer download do Messenger do Facebook para iOS ou Android.

A rede social começou a notificar usuários de alguns países europeus de que a mudança entrará em vigor em duas semanas. Depois disso, eles não serão capazes de se comunicar com os amigos usando o app para celular. O botão de mensagens vai permanecer ativo no aplicativo, mas vai direcionar os usuários para o Messenger quando for acessado.

Facebook testa lembrete de configurações de privacidade

Um porta-voz do Facebook confirmou ao site The Verge que tirar o Messenger do aplicativo principal do Facebook não é um teste e que, em breve, a mudança será implementada em todos os países.

Entretanto, há algumas exceções à nova regra. Dispositivos com Android com restrições de memória não serão obrigados a baixar o Messenger. Os usuários de Windows Phone e tablets também, por enquanto, “se livraram” da mudança e vão continuar enviando mensagens de dentro do aplicativo do Facebook.

Curiosidades na internet

Saiba como inverter as cores do iPhone

Acesse:http://olhardigital.uol.com.br/noticia/41204/41204

Vários serviços e aplicativos têm opções para alterar as cores, fazendo o que é claro ficar escuro e o que é escuro ficar claro. Mas quem tem aparelho com iOS não precisa de muito malabarismo para fazer isso.

Há uma função de acessibilidade que faz a inversão automaticamente, assim, se você estiver em um ambiente escuro, não precisa usar o celular ou tablet com aquela luz esbranquiçada.

Para acionar o recurso, vá em Ajustes > Geral > Acessibilidade e ative Inverter Cores. Se quiser encurtar o caminho e não ter de fazer isso sempre, vá em Ajustes > Geral >Acessibilidade > Atalho de Acessibilidade e escolha Inverter Cores, assim, bastará tocar três vezes no botão Home e a ação acontece.

Curiosidades na internet

Assista: Conheça o RING, o anel gadget que controla tudo

Acesse:http://noticias.seuhistory.com/assista-conheca-o-ring-o-anel-gadget-que-controla-tudo

A tecnologia pessoal avança de forma indiscutível, e uma das principais tendências do momento são os aparelhos pessoais conhecidos como wearables, uma expressão americana que se refere a tudo aquilo que podemos vestir, como o Google Glass ou os relógios inteligentes da Sony.

A última novidade foi apresentada pela Logbar, a empresa que começou a desenvolver o protótipo de um anel inteligente em 2013, atualmente em fase de captação de recursos para financiar o produto final. Trata-se de um pequeno aparelho que concentra todos os comandos para smartfones, relógios inteligentes, tablets e computadores.

Dele, pode-se comandar a redação de e-mails, fazer pagamentos online e controlar eletrodomésticos em casa, desde que estejam programados. A tecnologia, financiada pela plataforma Kickstarter, é facilitada por um software dentro do anel, capaz de interpretar os diferentes movimentos do dedo de quem o utiliza.

Por ser um acessório de uso pessoal, o sistema de notificações para comunicação com o usuário será feito por luzes LED e vibrações. Com o movimento de um dedo será possível enviar ou receber mensagens de texto, fazer compras, desenhar e postar comentários nas redes sociais.

A conexão entre os diferentes dispositivos sob comando do RING utilizará tecnologia Bluetooth. O RING é compatível com os sistemas operativos iOS e Android, e sua comercialização deverá ocorrer a partir de junho de 2014.

Curiosidades na internet

Viber renova ligações gratuitas para fixos por mais uma semana

Acesse:http://olhardigital.uol.com.br/noticia/40856/40856

Viber

(Foto: Divulgação)
.
O aplicativo para troca de mensagens Viber vai renovar por mais uma semana, até o dia 24 de março, as ligações gratuitas para telefones fixos de todo o Brasil. Se até lá o volume de mensagens de texto trocadas entre os usuários brasileiros crescer pelo menos 25%, a promoção será estendida novamente.
Lançada em 25 de fevereiro, a ação já registrou 10 milhões de ligações e quase 40 milhões de minutos. “Queremos consolidar o Viber como um aplicativo completo, tanto para troca de mensagens, como de chamadas em todas as plataformas”, afirma o representante do aplicativo israelense no Brasil, Luiz Felipe Barros.Como fazer

As ligações são realizadas por meio do recurso Viber Out, que normalmente é pago. Para usufruir do benefício, basta baixar o aplicativo gratuitamente (disponível para iOS eAndroid) e digitar o número com o respectivo DDD. É preciso estar conectado à internet para conseguir fazer a chamada telefônica.

Curiosidades na internet

Sensores corporais podem prolongar vida dos usuários e aumentar transparência na hora da consulta

Acesse:http://noticias.r7.com/tecnologia-e-ciencia/sensores-corporais-podem-prolongar-vida-dos-usuarios-e-aumentar-transparencia-na-hora-da-consulta-21022014

A Carenet Longevity lança sensor e aplicativo que “faz raio-x” da saúde dos usuários

Sistema promete prolongar a vida dos usuáriosReprodução

Já parou para contar quantos passos você dá em um dia normal? Ou quantas calorias você queima durante o sono? Ou até mesmo que a qualidade das suas horas de descanso podem influenciar na sua expectativa de vida? Ao que tudo indica, as empresas de tecnologia têm muito interesse em entregar esses e vários outros dados para você –  com um bônus: seguindo as instruções e corrigindo comportamentos prejudiciais você pode aumentar em vários anos a sua expectativa de vida.

Monitorar todas uma parte extensa da sua atividade diária é o objetivo de vários sensores, pulseiras e outros acessórios lançados por gigantes da tecnologia, como LG, Sony e várias outras empresas. Entretanto, é de uma startup fundada por dois suíços que os brasileiros devem ter o primeiro contato com esse tipo de gadget voltado para a busca de uma vida mais saudável.

LG demonstra pulseira e fones de ouvido para usuário acompanhar saúde

Motivado a alcançar mais bem-estar, o empresário e sócio-presidente da Carenet Longevity,Immo Oliver Paul lançou o Klip Carenet– um sistema de monitoramento que deve usar a tecnologia para monitorar e melhorar a saúde dos usuários. A empresa se foca no desenvolvimento de um aplicativo que se comunica com um sensor, informando e incentivando os usuários a terem uma vida mais saudável.

— Estamos trazendo da Ásia, inicialmente, cinco mil biosensores para aprovar e apresentar o conceito da empresa e analisar a aceitação do consumidor brasileiro, que já está mais aberto para esse mercado e busca produtos para a qualidade de vida de toda família.

Suíço radicado no Brasil, o executivo explica que o sensor Klip é tem menos de 12 gramas e pode ser levado com o usuário em grande parte de seus dia, sem causar incômodo. A estratégia para transformar a atividade em algo divertido é usar a gameficação. Além disso, o aplicativo o compartilhamento de informações entre amigos, familiares, personal trainer e até mesmo com seu médico.

Gamificação e rede social

Enquanto o sensor Klip já pode ser comprado por R$ 199 na loja da Carenet Longevity, o aplicativo para monitoramento das informações estará disponível ainda em fevereiro nas lojas virtuais para Android (Google Play) e iOS (App Store). Immo explica que o aplicativo funciona filtrando informações e apresentar os dados de forma divertida, que deixe o usuário engajado com sua própria saúde.

Divulgação

Dentre os benefícios do sistema, o executivo comenta que está a possibilidade de cruzar dados de usuários. Por exemplo: imagine que você pegou uma gripe e o aplicativo explique para você que outros milhares de brasileiros com constituição parecida com a sua também se sentem gripados ao mesmo tempo. O aplicativo termina com uma indicação de que você durma melhor, tome mais líquido e não se preocupe. Parece legal, mas será que já é possível tornar essa situação em algo real?

— O desafio é pegar essa informação e filtrar, eliminar o que não é relevante e apresentar o que sobra de maneira estimulante, visual e instigante para o consumidor. Todos nós procuramos uma tecnologia que nos acompanhe de forma sutil, que não seja invasiva. No final do dia, nós queremos um sistema que diga: “Immo, você está bem, não vai morrer hoje, pode aproveitar o seu dia”. Acho quem daqui uns cinco anos vamos chegar lá.

O aplicativo também estará preparado para ser sincronizado com outros sensores semelhantes, informa o executivo. Paul aposta que a “computadores de vestir” chegaram para ficar e tem um grande diferencial: entregam para as pessoas informações que antes elas só poderiam obter em um consultório ou laboratório médico.

— Os dispositivos wearables são extremamente importantes para o consumidor no momento. Eles vão ser a porta de entrada e a melhor forma de explicar, demonstrar que é possível medir com esse tipo de device. Medir informações que antes não eram transparentes para as pessoas.

Curiosidades na internet

Lançado app que mede qualidade das operadoras

Acesse:http://olhardigital.uol.com.br/noticia/40404/40404


(Foto: Divulgação)
 Foi lançado um aplicativo para Android que mede a qualidade das operadoras de telefonia e ajuda o usuário a decidir qual delas se encaixa melhor às suas necessidades.

Durante três dias, o Glove monitora o uso do celular para saber em quais lugares a pessoa mais usa o aparelho. Então ele encontra a operadora com o sinal mais forte nessas regiões.

A empresa que criou o app argumenta que três a cada quatro pessoas poderiam usar operadoras melhores, se soubessem qual delas se enquadra melhor às suas rotinas. Então, ao invés de trocar de celular achando que ele tem problemas de recepção ou contratar outra operadora no escuro, o ideal seria analisar a concorrência e escolher conscientemente.

Aqui no Brasil existe um aplicativo que faz exatamente a mesma coisa; chamado CrowdMobi, ele se difere por estar disponível também para iOS (conheça).

O Glove ainda está em fase beta e por enquanto só funciona na área da baía de São Francisco, em Nova York e em Israel. A versão para iOS será lançada até o fim do ano, segundo o The Next Web

Curiosidades na internet